3 dez 2009 - 15h25

Dez motivos para lutar pelo décimo lugar

Depois de se arrastar durante todo o Campeonato Brasileiro, uma chance de ouro surgiu ao Clube Atlético Paranaense justamente na última rodada. Já livre do rebaixamento, o Furacão pode conquistar algo que jamais atingiu durante toda a competição: uma classificação digna, na parte superior da tabela. Para isso, é preciso vencer o Grêmio Barueri no domingo e torcer por tropeços de Santos, Corinthians e Vitória. Não é simples, mas também está longe de ser improvável.

Antes de tudo, o Rubro-Negro precisa fazer a sua parte e vencer o Barueri na última rodada do campeonato e na despedida da temporada. Para alguns, esta partida pode não valer nada. Mas a Furacao.com mostra dez motivos pelos quais ainda vale a pena torcer muito e exigir dedicação total dos jogadores, comissão técnica e diretoria para o desafio final:

1 – Vencer o adversário
O Clube Atlético Paranaense é um dos clubes mais importantes do futebol brasileiro. Como tal, não pode se furtar a buscar a vitória em qualquer partida, seja uma partida de categoria infantil ou um amistoso. Com muito mais razão, não pode entrar em campo em uma partida oficial, pelo campeonato mais importante do país, e não pensar em qualquer outro resultado que não seja a vitória. Por isso, jogar com raça e compromisso total com a vitória, honrando as glórias do passado, é uma obrigação.

2 – Conquistar uma vaga na Copa Sul-Americana
O Atlético ainda tem chances matemáticas de conquistar uma vaga na Copa Sul-Americana de 2010. Não pode abrir mão de lutar por esse objetivo, ainda que a competição não seja tão valorizada. Uma vitória diante do Barueri é suficiente para assegurar a participação na competição internacional. Ao longo da última década, o Furacão tem gravado seu nome na América Latina, com participações destacadas na Libertadores da América e na própria Sul-Americana. Voltar a disputar um campeonato internacional é uma oportunidade que jamais pode ser desperdiçada, tanto sob o aspecto econômico quanto esportivo. Seria a quinta participação consecutiva do Atlético na Sul-Americana.

3 – Somar pontos no ranking da CBF
Terminando em 10º lugar, o Atlético somará mais pontos nos principais rankings do futebol brasileiro. Terminando na décima colocação, o time irá faturar 51 pontos no ranking da CBF. Com essa pontuação, o Furacão provavelmente irá ultrapassar o Bahia e assumir o 18º lugar no ranking – que é usado para definir vagas em competições como a Copa do Brasil, por exemplo. No ranking de pontos do Campeonato Brasileiro da era dos pontos corridos, o Atlético certamente perderá uma posição (para o Flamengo), mas somar pontos é importante para não se distanciar muito do Goiás, que tem nove pontos a mais. Além disso, outros rankings não oficiais levam em conta a colocação final de uma equipe no Brasileirão.

4 – Terminar na melhor colocação de todo o campeonato
Em nenhum momento deste Campeonato Brasileiro o Atlético esteve na metade superior da classificação. Até a penúltima rodada, a melhor colocação do Rubro-Negro foi o 13º lugar. Agora, justamente na última rodada, surge a grande oportunidade de dar um grande salto e terminar em décimo lugar. Não é admissivel que o time desperdice essa chance e ao menos encerre o ano de maneira digna.

5 – Obter a melhor colocação desde 2005
Nos últimos três anos, a torcida atleticana têm sofrido. Acostumado com campanhas brilhantes, como as de 2001 e 2004, o rubro-negro teve de se contentar com fugir do rebaixamento nas temporadas mais recentes. É muito pouco para a grandeza do Atlético Paranaense. É verdade que de qualquer maneira a campanha deste ano está fadada a ser classificada como abaixo das expectativas. Mas terminar em décimo lugar seria um alento para o próximo ano. Em 2005, o Atlético ficou em sexto lugar. Depois disso, foram dois três anos terríveis: 13º lugar (2006), 12º lugar (2007) e 13º lugar (2008). Um salto neste ano, por menor que seja, é bem-vindo.

6 – Melhorar o desempenho fora de casa
O Atlético venceu quatro partidas fora de casa neste Campeonato Brasileiro. Superando o Barueri, pode chegar a cinco triunfos fora de seus domínios, o que seria uma campanha bastante razoável. A título comparativo, é preciso destacar que o time que mais vitórias conseguiu como visitante foi o Cruzeiro (oito). Flamengo e Inter, que lutam pelo título, venceram sete jogos fora de casa. Assim, chegar à marca de cinco vitórias como visitante significará uma campanha bastante razoável – especialmente porque o Atlético é um dos times que mais jogos perdeu fora, 12, mais até do que o já rebaixado Sport.

7 – Superar a campanha do primeiro turno
Tradicionalmente, o Atlético tem realizado campanhas melhores no segundo turno do Campeonato Brasileiro. Até aqui, a campanha do primeiro turno é melhor. O Furacão conquistou 24 pontos na primeira parte da competição, terminando em 13º lugar. No returno, o time obteve 23 pontos e tem a 14ª melhor campanha. Vencer o Barueri representará não apenas uma soma maior de pontos no segundo turno, mas também a chance de ficar entre as melhores campanhas – há boas chances de ser o sétimo ou oitavo melhor time do returno.

8 – Alcançar os mesmos objetivos que times badalados durante a competição
Atlético Mineiro, Goiás, Cruzeiro, Avaí, Grêmio, Palmeiras. Todos esses times têm em comum o fato de terem sido muito badalados pela imprensa durante o Campeonato Brasileiro. Alguns chegaram a liderar a competição e foram apontados como candidatos ao título. Porém, as torcidas de alguns desses times terão de se contentar com exatamente a mesma conquista que a torcida atleticana pode alcançar neste ano: a vaga para a Copa Sul-Americana.

9 – Melhorar o desempenho ofensivo
A pior estatística do Atlético neste Campeonato Brasileiro é certamente o número de gols marcados. O Rubro-Negro carrega o indesejado posto de pior ataque de toda a competição. Foram somente 42 gols marcados em 37 jogos. Até o Sport, o Náutico, o Santo André e o Coritiba conseguiram fazer mais gols. Para escapar desse “troféu”, a tarefa não é fácil: é preciso marcar no mínimo três gols no Barueri. Mas de qualquer maneira, vencer o adversário representará melhorar o desempenho do clube neste quesito.

10 – Elevar o ânimo para o próximo ano
Como já registrado, o Atlético vem capegando nas três últimas edições do Campeonato Brasileiro. Tem restado à torcida apoiar muito e comemorar a permanência do clube na elite do futebol brasileiro. Mas é muito pouco. É preciso que algo seja feito para mudar esse quadro. E o primeiro passo pode começar neste domingo. Uma despedida honrosa do Brasileirão 2009, encerrando a competição na décima colocação, pode representar um fator de elevação de moral e renovação do espírito para um campeonato verdadeiramente bom no próximo ano.



Últimas Notícias

Fala, Atleticano

Insanidade

Louva-se o posicionamento do CAP em relação à atitude insana, egoísta e manipuladora do Flamengo, que chegou ao ponto de utilizar-se da peste alcançar seus…

Camisa preta edição especial.

Opinião

Viva a revolução!

Eu sou corneta. Confesso! Se o time vai mal, sou o primeiro a reclamar. Se o time vai bem, tem que melhorar. Se ganhou de…

Notícias

A evolução do Athletico

É inegável a evolução do rubro-negro. Desde a mudança no comando técnico, o Furacão vem evoluindo a cada jogo. Atualmente acumula quatro vitórias consecutivas. Além…