18 maio 2012 - 11h44

Tiago Adan, ex-Arapongas, é o novo contratado

Uma das revelações do Campeonato Paranaense 2012, o atacante Tiago Adan, que estava no Arapongas, é o novo contratado do Furacão para a sequência da temporada 2012. O belo gol marcado na derrota para o Atlético despertou o interesse do clube no jogador, que também foi procurado por outros clubes. Porém, o Rubro-Negro levou a melhor na negociação e acertou contato com o atacante.

Em sua apresentação nesta sexta-feira (18), o atacante prometeu gols à torcida e falou sobre suas características. “Meus objetivos são devolver o Atlético à Série A e me tornar o artilheiro no Brasileiro. Sou alto e sei finalizar. Gosto também de ajeitar a bola para quem vem de trás. Sei fazer gols”, disse ao site oficial.

Paulista de Votorantim, Tiago Adan Fonseca passou pelas categorias de base do Furacão quando tinha 12 anos. Começou sua carreira no futebol nas divisões de base do Atlético de Sorocaba e seguiu para o Corinthians. Se profissionalizou no Caxias em 2009 e, nos últimos dois anos, vinha atuando no futebol da Romênia, nas equipes do Astra Ploiești e do Astra Giurgiu.

Em sua última passagem pelo leste europeu, o atacante assinalou dez gols em 23 partidas. Este ano acertou seu retorno ao futebol brasileiro, atuando pelo Arapongas, onde marcou dez gols na atual edição do Campeonato Paranaense.

Destaque do Paranaense 2012, Tiago diz estar feliz om a boa fase e agora em um novo clube. “Vivo o melhor momento da minha carreira e estou chegando num clube grande. Agora penso em dar sequência. Vou procurar mostrar o meu trabalho para ser valorizado”, finalizou.

Ficha Técnica
Nome completo: Tiago Adan Fonseca
Posição: Atacante
Data de nascimento: 14/03/1988
Local de nascimento: Votorantim (SP)
Altura: 1.88m
Peso: 85kg
Clubes em que jogou: Atlético Sorocaba (SP), Corinthians, Caxias, Astra Ploiești (ROM), Astra Giurgiu (ROM) e Arapongas



Últimas Notícias

Libertadores

É bom rever você, Walter!

Foram necessários apenas oito minutos em campo contra o Jorge Wilstermann e um único chute a gol para uma história ser coroada com choro, abraços…