29 jun 2012 - 10h42

Confira a análise tática do Bragantino

O Furacão vai receber o Bragantino neste sábado no Gigante do Itiberê em Paranaguá, em jogo válido pela 8ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Vindo de derrota para o América-MG, o time de Bragança vem em busca da reabilitação e o técnico Marcelo Veiga acredita que a equipe possa sair de Paranaguá com um bom resultado.

Já o Atlético vem de uma semana conturbada e a vitória poderá acalmar os ânimos. A vitória rubro-negra será de fundamental importância, pois mesmo com um jogo a menos, o Furacão tem os mesmos sete pontos do Bragantino. Caso vença o confronto de sábado, além do jogo atrasado contra o Ipatinga, o Furacão chegará a 13 pontos e igualará a pontuação do Vitória, 4º colocado e ocupa a última vaga do G4.

Marcelo Veiga manterá a mesma formação tática utilizada no jogo diante do Coelho. A equipe de Bragança Paulista atuará no 3-5-2, mas com alterações no time titular. Veiga promoverá a entrada de Acleisson e Andrezinho, e deixarão o time titular Léo Jaime e Serginho.

A equipe que deverá entrar em campo será a seguinte: Alê, Walter, Rafael Caldeira e Preto Costa; Victor Ferraz, Acleisson, Eder, Fernando Gabriel e Andrezinho; Malaquias e Giancarlo .

Já pelo lado do Atlético a principal novidade atende pelo nome de Jorginho, que fará a sua estreia a frente do Furacão. E também existe a possibilidade de uma alteração no esquema tático a ser usado no jogo. O setor defensivo do Furacão deverá tomar muito cuidado com Fernando Gabriel, um jovem meia de 24 anos que tem tido excelentes atuações vestindo a camisa do Bragantino. O garoto tem três gols marcados, e que tem um chute potente e pode levar perigo tanto de média distância como quando chega como homem surpresa ao ataque.

O Atlético deverá explorar os três zagueiros que Marcelo Veiga deverá escalar, pois pelos lados
da defesa atuarão os defensores mais experientes e um pouco mais lentos. Já o zagueiro central,
Rafael Caldeira, é um zagueiro que abusa das faltas, tanto que já cumpriu uma suspensão na
Série B deste Brasileirão. O principal motivo de esperança rubro-negra é o fato do time que
treinou ser armado no 4-3-3 quando ataca, e quando defende retorna ao 4-3-1-2, com Ricardinho
fazendo uma função de marcação.

O provável 11 do Furacão que treinou ontem foi formado por: Weverton; Gabriel Marques, Manoel, Cleberson e Héracles; Deivid, Alan Bahia e Paulo Baier; Ricardinho, Edigar Junio e Bruno Mineiro.

Reportagem: Mauricio Matsueda



Últimas Notícias

Copa do Brasil

Vamos, Ó Meu Furacão…

O Athletico vive situação delicada no Brasileirão, na zona de rebaixamento. A equipe buscava reagir – eram oito jogos sem triunfos (três empates e cinco…

Copa do Brasil

Em defesa do título

Pouco mais de um ano depois de levantar a taça da Copa do Brasil, o Athletico retorna à competição no confronto pelas oitavas de final,…