21 abr 2013 - 18h04

Zezinho: "O Atlético não tem igual"

Autor do segundo gol rubro-negro no Atletiba deste domingo (21), vencido pelo Furacão por 3 a 1, o meia Zezinho não escondia a alegria ao final da partida na Vila Olímpica do Boqueirão. Foi dele o segundo gol sobre o Coritiba, aos 11 minutos do segundo tempo, que incendiou os torcedores atleticanos que estiveram presentes na partida empurrando o Rubro-Negro.

"A felicidade é muito grande porque a gente se uniu. Jogamos o primeiro turno muito abaixo da nossa qualidade e hoje a torcida gritou ‘Sub-23’. Todos estavam pedindo a equipe principal no primeiro turno, mas nos fechamos, cada um sabendo da sua responsabilidade e qualidade. O presidente também abraçou a ideia, continuou com a postura de nos deixar jogando, assim como o professor. O time abraçou isso e deu no que deu", resumiu o camisa 10 atleticano à Rádio CAP.

Zezinho, que desfalca a equipe diante do Operário, na última e decisiva rodada do segundo turno do Paranaense, também fez questão de elogiar o apoio da torcida atleticana. "Já passei por alguns clubes mas como o Atlético, com a torcida apoiando e nos abraçando, não tem igual. Pretendo continuar aqui por muitos anos e dar o que a torcida merece. Todos hoje estão de parabéns. É isso que faz o Atlético forte", finalizou.



Últimas Notícias

Opinião

Libertadores, estamos aqui

Do alto da nossa sétima participação na Copa Libertadores da América, temos que reconhecer que já temos muita história para contar: da primeira participação, via…