16 set 2013 - 17h23

Estrutura metálica de cobertura avança na Baixada

Nesta segunda-feira (06), o Atlético Paranaense divulgou novas fotos das obras na Arena da Baixada. Nas imagens já é possível notar um avanço significativo na cobertura metálica do estádio, com as duas vigas principais já instaladas no setor Getúlio Vargas e Brasílio Itiberê.

Várias vigas secundárias serão instaladas nos próximos dias para a instalação total da cobertura da Baixada. No último dia 07, o presidente Mário Celso Petraglia comentou que seria possível a instalação de todo o teto retrátil antes da Copa do Mundo de 2014. “Nos comprometemos com a FIFA que se o teto retrátil atrapalhar o cronograma e a entrega do novo estádio FIFA, que está programado para a primeira partida teste em janeiro (2014), nós deixaremos para depois da Copa. Já estão sendo fabricados todos os componentes da instalação, a cobertura e todo o mecanismo de acionamento, de movimentação, estando no Brasil pronto, em 45 dias, no mais tardar 60 dias e o teto retrátil será instalado. Ele não precisará ser instalado de dentro do campo e sim de fora para dentro. Então, não há nenhuma dificuldade caso não seja possível concluirmos antes dos jogos da Copa do Mundo", afirmou o presidente, acenando para a possibilidade de instalação do teto retrátil já antes da Copa.

Vale ressaltar que na última visita feita pela FIFA a Curitiba o clube afirmou que a cobertura retrátil só seria instalada após a Copa do Mundo com intenção de acelerar o término da obra. Apesar disso, as últimas fotos divulgadas com avanço considerável da cobertura e a afirmação de Petraglia reforçam a possibilidade do teto retrátil estar concluído antes da competição mundial.

Veja as imagens divulgadas no portal CAP/SA:

"Arena"

"Arena"

"Arena"

"Arena"

"Arena"



Últimas Notícias

Torcida

Colecionadores da nossa paixão

Para alguns torcedores atleticanos, não basta apenas vestir a camisa por amor. É preciso guardar algumas, centenas delas num acervo particular, em coleções prá lá…

Torcida

As histórias por trás dos acervos

Cada colecionador é, de certa forma, guardião de um pedaço da história do clube. E cada coleção também acaba criando sua própria história. Nenhuma nasce,…