14 dez 2013 - 12h04

Confira o histórico do Sporting Cristal

O Sporting Cristal Club SA, ou mais popularmente conhecido por Sporting Cristal, foi fundado no dia 13 de dezembro de 1955, e, assim como o Atlético, o clube é oriundo de outro clube de futebol, o Sporting Tabaco.

Este clube peruano foi fundado com o nome de Sporting Cristal Backus. Cristal é a cerveja mais popular da fábrica que adquiriu o Sporting Tabaco, em 1954, e o nome Backus é devido ao nome da fábrica recém detentora do clube, a Backus y Johnston. Porém, o abuso publicitário no nome do clube foi retirado após o seu terceiro título peruano, em 1968.

O histórico de jogadores que já fizeram parte de seleções sul-americanas do elenco do Sporting Cristal é considerável. Em 1960, Óscar Miguez e Alberto Terry, uruguaios que jogaram as Copas do Mundo de 1950 e 1954, atuaram pelo clube. Em 1968, Didi, ex-meio-campista do Botafogo e bicampeão do mundo com a seleção brasileira em 1958 e 1962, foi técnico de Los Celestes –alcunha do Sporting Cristal. Na Copa do Mundo de 1978, o clube foi representado em sua seleção nacional por 10 de seus jogadores. Já em 1997, ano no qual o Sporting Cristal foi vice-campeão da Copa Libertadores da América, três de seus recentes ídolos estavam em campo: Roberto Palacios, Nolberto Solano e Jorge Soto. Além do feito de ser vice-campeão no torneio continental, Los Celestes já foram 16 vezes campeões peruanos, sendo que a última conquista foi em 2012.

Neste ano de 2013, o Sporting Cristal terminou como terceiro colocado geral do Campeonato peruano 22 vitórias, nove empates e 13 derrotas. Ainda no mesmo campeonato, Los Celestes fizeram 76 gols e sofreram 45. O seu artilheiro foi Irven Ávila, atacante de 23 anos, realizou 18 gols em 38 atuações no campeonato nacional.

Libertadores

Já em relação à Taça Libertadores da América, o clube peruano já participou 30 vezes, mas foi eliminado nas duas vezes em que participou da pré-libertadores. Nas duas eliminações das fases que antecede a fase de grupos do torneio continental, os peruanos foram eliminados respectivamente pelo América do México, em 2007, e pelo Estudiantes da Argentina, em 2009.



Últimas Notícias

Libertadores

É bom rever você, Walter!

Foram necessários apenas oito minutos em campo contra o Jorge Wilstermann e um único chute a gol para uma história ser coroada com choro, abraços…