9 fev 2014 - 23h08

Petkovic comemora vitória no embalo da Libertadores

A vitória por 3 a 0 sobre o Coritiba não foi apenas a primeira do Atlético no Campeonato Paranaense 2014. O clássico ficará para sempre marcado na trajetória do sérvio Dejan Petkovic. Foi sua primeira vitória como técnico de futebol profissional.

Pressionado pelos últimos resultados, ele comemorou a vitória com sobras no clássico, que certamente dará tranquilidade ao grupo para uma campanha de recuperação no Estadual.

Durante a entrevista coletiva depois do jogo, Petkovic revelou que a épica vitória sobre o Sporting Cristal pela Libertadores, no meio de semana, foi um incentivo para o grupo Sub-23. Houve um entusiasmo no clube que deu confiança para os garotos jogarem o clássico.

Confira a análise do técnico Petkovic sobre o desempenho da equipe no Atletiba:

IMPORTÂNCIA DA VITÓRIA
"Fizemos um grande jogo, fizemos um primeiro tempo bonito, atacando. Estou muito feliz, ganhamos do Coritiba, é difícil ganhar um clássico, para que possamos dar continuidade ao nosso trabalho, para dar auto confiança e esse grupo é muito bom e assim podemos chegar longe."

MELHOR PARTIDA
"Com certeza foi a melhor partida. A gente fez muitas coisas boas, poucos errinhos, então eu acho que continuando assim vamos chegar longe. Fizemos o que a gente queria, conseguimos fazer as jogadas pelo lados, fizemos bons cruzamentos. Acho que a pior coisa que fizemos foi a bola parada. Um jogo importante, difícil, tentaremos corrigir para que continue tudo bem"

REFORÇO DE OUTROS ATLETAS
"Antes do jogo, vocês fizeram a pergunta sobre essa situação, quando eu estava na reunião antes do jogo, vou deixar muito claro pra vocês que aqui existe apenas um time, Atlético Paranaense, uns jogam Paranaense, outros Libertadores, uns sobem para ajudar e essa ousadia deixa o grupo mais forte. Alguns jogadores que jogaram na quarta estavam aqui apoiando e eles também ficam felizes porque eles ganham também com essa vitória."

EXPERIÊNCIA
"Tenho alguns que já jogaram pelo Atlético, outros já jogaram outros clássicos. O importante é isso, que os garotos que iniciaram, a maioria sub 20, mas não importa a idade, eles não tinham esse tipo de jogo em 2013, não importa eles serem sub 23, o problema é que eles não tiveram 10 jogos em 2013, por isso eles demoram pra pegar esse ritmo de jogo, mas estamos melhorando e esse jogo vai criar pra eles auto confiança e encarar o próximo jogo com maior naturalidade. Alguns não tiveram isso em 2013, como o Bruno Furlan, que agora está trabalhando bem nos jogos e eu falei pra ele que ele estava bem e que ia ajudar o time com tranquilidade e ele ajudou, como também o Rodolfo e outros jogadores que não tiveram oportunidade."

REPERCUSSÃO DA LIBERTADORES
"Realmente, nossa comissão técnica estava confiante, estava confiante nesse potencial e vou dizer sinceramente, fundamental foi a vitória de quarta sobre o Sporting Cristal e nossa entrada na Libertadores para que o nosso ambiente ficasse mais tranquilo e esse jogo fosse melhor nessa semana"

TEMPO PARA TREINAR
"Significa muito, bom que a gente tem a semana inteira de trabalho, tem um jogo quinta feira, com um grupo unido e com aqueles que nos apoiaram hoje, virão junto para trabalhar durante a semana pra enfrentar um jogo difícil contra o Cianorte, jogo longe, com calor e não vamos perder esse jogo"

TORCIDA
"A torcida foi fantástica na quarta e hoje, acreditou e apareceu em bom número, esperava isso acontecer mais não tinha certeza de tanto número. Atletiba sempre chama atenção e essa semana foi rubro-negra. Agradeço a todos os torcedores que apoiaram, os jogadores que estavam aí apoiando, e a partir de amanhã já trabalhar para quinta feira que também é um jogo muito importante".



Últimas Notícias

Copa do Brasil

Vamos, Ó Meu Furacão…

O Athletico vive situação delicada no Brasileirão, na zona de rebaixamento. A equipe buscava reagir – eram oito jogos sem triunfos (três empates e cinco…

Copa do Brasil

Em defesa do título

Pouco mais de um ano depois de levantar a taça da Copa do Brasil, o Athletico retorna à competição no confronto pelas oitavas de final,…