22 mar 2015 - 22h04

Público na Arena foi o maior da rodada

“Mesmo ganhando, mesmo perdendo, sou rubro-negro de coração.” O antigo e sempre lembrado coro da torcida atleticana reflete bem o atual momento do Furacão. Apesar da péssima campanha no Campeonato Paranaense e dos resultados adversos obtidos dentro de casa, da iminência de disputar o “Torneio da Morte” e da mudança de comando técnico, enfim, de tantos fatores como o horário do jogo, o frio e a chuva, que poderiam afastar a torcida do estádio, o público presente na Arena da Baixada foi o maior da 10ª rodada do Estadual.

Foram 7.486 abnegados atleticanos que, das arquibancadas da moderníssima Arena, apoiaram o time do recém-contratado Enderson Moreira durante os 90 minutos da goleada por 7 a 0 sobre o Nacional, a maior do campeonato até agora. A título de comparação, o líder Coritiba levou 5.573 torcedores aO Couto Pereira na vitória por 3 a 1 sobre o Cascavel, no sábado (21).

A presença e o apoio da torcida foram enaltecidas pelo técnico atleticano na entrevista coletiva concedida após a partida. Enderson destacou que já foi torcedor e entende como é difícil passar por uma situação ruim como esta, pediu que o incentivo continue e se disse surpreso com o bom público presente na partida deste domingo (22):

“Eu entendo muito o lado dele. O lado do torcedor passional, o torcedor que tem muita paixão, que tem muito amor pelo Clube, e vê o Clube numa situação desta é extremamente complicado. Eu até me surpreendo com o número de torcedores. Eu, particularmente, não esperava talvez uma torcida nesse número em função da sequência ruim, pelo contrário. E a torcida do Atlético, ela é fantástica. Ela é um décimo segundo, um décmio terceiro jogador, eu joguei aqui algumas vezes contra e senti aquela pressão vindo da arquibancada, uma coisa que dava muita força para os atletas do Atlético e em compensação nos deixava de alguma forma pressionados. Então a gente precisa reconquistar esse torcedor e com boas atuações”, disse.

A maior do Paraná torce agora por uma vitória do Rubro-Negro contra o Londrina, no próximo domingo (29), bem como por um tropeço do Cascavel para ver garantida a última vaga nas quartas-de-final e lotar a Arena para incentivar a equipe.



Últimas Notícias

Fala, Atleticano

Insanidade

Louva-se o posicionamento do CAP em relação à atitude insana, egoísta e manipuladora do Flamengo, que chegou ao ponto de utilizar-se da peste alcançar seus…

Camisa preta edição especial.

Opinião

Viva a revolução!

Eu sou corneta. Confesso! Se o time vai mal, sou o primeiro a reclamar. Se o time vai bem, tem que melhorar. Se ganhou de…

Notícias

A evolução do Athletico

É inegável a evolução do rubro-negro. Desde a mudança no comando técnico, o Furacão vem evoluindo a cada jogo. Atualmente acumula quatro vitórias consecutivas. Além…