29 abr 2015 - 0h10

Sofrível, mais uma vez

O Atlético mais uma vez repetiu o roteiro de excesso de erros de passe, falhas na marcação e inoperância ofensiva e perdeu por 1 a 0 para o modesto Tupi, que disputa a Série C do Campeonato Brasileiro, nesta terça-feira (28), pela segunda fase da Copa do Brasil, no Estádio Municipal Radialista Mário Helênio (Helenão), em Juiz de Fora-MG. O meia Vinícius Kiss, principal destaque em campo, acertou um belo chute da entrada da área, no ângulo do goleiro Weverton, para definir o placar.

Com o resultado, o Atlético precisa vencer por dois gols de diferença no jogo da volta, na próxima quarta-feira (06), na Arena da Baixada, para seguir na competição (clique aqui e confira a matemática para a classificação).

Em campo, o Rubro-Negro não mostrou grandes melhorias apesar das estreias de Walter, que começou como titular, e Ytalo, que entrou aos 35’/1º no lugar de Bady. A equipe repetiu a sequência de pouca movimentação e muitos erros de passe, permitindo perigos ao time da casa no contra-ataque. A melhor chance rubro-negra foi com Dellatorre, aos 11 minutos do segundo tempo, após o cruzamento de Natanael e o corta-luz de Walter. No final, Ytalo ainda tentou duas vezes e quase empatou, mas não conseguiu impedir mais uma apresentação sem brilho do time atleticano.

DESTAQUE: Vinícius Kiss – melhor opção ofensiva em campo, o meia do Tupi apareceu bem, apostou nas jogadas em velocidade e acertou um belo chute para abrir o placar.

PEREBA: Bady – mais uma vez comprometeu na criação, abusou nos erros de passe e foi substituído ainda no primeiro tempo, aos 35 minutos, para a entrada do estreante Ytalo.

SEM LUZ: No segundo tempo, o jogo ficou paralisado por 24 minutos, devido a um problema técnico no disjuntor da torre de luz do estádio Helenão, que comprometeu a iluminação do campo.

O GOL:
1 x 0 (26’/2°): Após a cobrança de escanteio, o lateral Bruno Ré cabeceou bem, Eduardo salvou em cima da linha e, no rebote, a defesa atleticana falhou e Vinícius Kiss acertou um belo chute da entrada da área, no ângulo do goleiro Weverton, para abrir o placar.


PRÓXIMOS JOGOS:
Nacional (Paranaense): dia 02 de maio (sábado), às 18h30, na Arena
Tupi-MG (Copa do Brasil): dia 06 de maio (quarta-feira), às 19h30, na Arena
Internacional (Brasileiro): dia 10 de maio (domingo), às 16h, na Arena

%ficha=1105%



Últimas Notícias

Libertadores

É bom rever você, Walter!

Foram necessários apenas oito minutos em campo contra o Jorge Wilstermann e um único chute a gol para uma história ser coroada com choro, abraços…