19 jul 2015 - 14h36

Atlético vence a Chapecoense e encerra jejum!

O Atlético entrou em campo neste domingo (19), na Arena da Baixada, e contou com gol de Hernani para vencer a Chapecoense e voltar a obter um resultado positivo depois de três tropeços seguidos no Brasileirão. Numa manhã ensolarada, jogando pela primeira vez no horário das 11h00 instituído pela CBF este ano, o Rubro-Negro teve o apoio de quase 18 mil torcedores, que incentivaram das arquibancadas mas demoraram para poder comemorar o gol da vitória.

Demonstrando superioridade, o time de Milton Mendes permanecia com a bola nos pés, mas não conseguia criar grandes oportunidades de gol. Apesar de o Rubro-Negro controlar o jogo, não havia penetração na área adversária e a partida ficou sonolenta no primeiro tempo, que terminou com apenas uma chance clara para cada lado: aos cinco minutos, Sidcley tabelou com Bruno Mota e deixou Crysan na cara do gol, mas o atacante desperdiçou; aos 33, Roger escapou da marcação, saiu livre e tocou na saída de Weverton, exigindo uma grande defesa do camisa 12.

Para o segundo tempo o Atlético voltou com o mesmo ímpeto ofensivo e, logo aos seis minutos, abriu o placar. Nikão cobrou escanteio e Hernani, antecipando-se à marcação, tocou de cabeça para o fundo das redes. Depois de marcar o gol, o Furacão continuou com a posse de bola e poderia ter ampliado o marcador, mas não voltou a levar perigo à meta de Danilo. Com a vitória magra, o Rubro-Negro chegou a 22 pontos e ocupa, provisoriamente, a 7ª posição na tabela de classificação (podendo ficar em 8º ao final da rodada, caso o Palmeiras pontue contra o Santos).

DESTAQUE:
O gol da vitória foi marcado por Hernani, mas Nikão foi quem mais produziu na partida. O camisa 11 criou boas jogadas por ambos os lados, prendeu bem a bola no ataque, finalizou para o gol e cobrou o escanteio que deu origem ao gol da vitória.

APAGADO:
Crysan, cujo nome vinha sendo pedido pela torcida há um bom tempo, teve sua chance mas não aproveitou. Foi bem nos primeiros minutos de jogo, depois sumiu e acabou substituído na segunda etapa.

O GOL:
1×0 – 6’/2º: Hernani – Nikão cobrou bem o escanteio e Hernani, esperto, anteciou-se à marcação e testou para o fundo das redes de Danilo, marcando o gol da vitória do Atlético na Baixada.

PRÓXIMOS JOGOS: Avaí (fora), Palmeiras (fora) e Sport (casa).

%ficha=1121%



Últimas Notícias

Torcida

Colecionadores da nossa paixão

Para alguns torcedores atleticanos, não basta apenas vestir a camisa por amor. É preciso guardar algumas, centenas delas num acervo particular, em coleções prá lá…

Torcida

As histórias por trás dos acervos

Cada colecionador é, de certa forma, guardião de um pedaço da história do clube. E cada coleção também acaba criando sua própria história. Nenhuma nasce,…