O Fala, Atleticano é um canal de manifestação da torcida do Atlético. Os textos abaixo publicados foram escritos por torcedores rubro-negros e não representam necessariamente a opinião dos responsáveis pelo site. Os autores se responsabilizam pelos textos por eles assinados. Para colaborar com um texto, clique aqui e siga as instruções. Confira abaixo os textos dos torcedores rubro-negros:
4 fev 2016 - 17h22

Crysan – vamos dar tempo ao tempo

Galera, o Crysan arrebentou na base. Vamos dar tempo pro jogador se desenvolver. Normalmente quando um garoto desses começa sua carreira arrebentando no profissional, é porque seu nível é de seleção – acho que esse é o caso do Otávio. Mas aquele que começa timidamente também pode render boas coisas e, às vezes, é queimado por cobrança excessiva e falta de autoconfiança, coisa que vem com o tempo. Lembro do Marcelo Cirino passando pelo mesmo perrengue. Só com o amadurecimento é que ele enfim cumpriu as expectativas aqui no Furacão, depois de ter passado um tempo fora pra ganhar cancha. O Marquinhos é a mesma coisa. Não estou dizendo que eles são super craques, mas acho precoce descer a lenha no desempenho desses garotos.

Lembro ainda alguns casos que pegamos em começo de carreira e trouxemos pro Furacão e depois mandamos embora sem aproveitar o potencial: Michel Bastos (bom jogador), Jorge Henrique (mediano, mas muito útil e aguerrido). São exemplos que já estão em final de carreira e que demonstraram um bom nível após amadurecerem, conquistando títulos importantes nos clubes por onde passaram. Claro que dificilmente ficaremos com um jogador pela vida inteira, mas às vezes é um desperdício de talento não acreditar ou desfazer dos caras à toa. Acredito no potencial do Crysan e do Marquinhos.

O Nathan é outro caso, mais complicado pela questão do litígio. O cara foi lançado no profissional e não jogou nada, mas lá fora os caras viram o potencial dele. O Bruno Motta é um que pode render bons frutos também se dermos tempo pro desenvolvimento dele. Nem todo mundo é Neymar, Messi, Ronaldo ou Ronaldinho Gaúcho, mas acredito que a galera que promove esses jovens pro profissional faz isso com uma boa avaliação do que cada jogador pode vir a ser. Quem acompanha nossos resultados na base, sabe que esses garotos que temos hoje destruíram quando passaram por lá. Com esse elenco, a pressão neles vai ficar menor. Confio que nos trarão alegrias em breve.



Últimas Notícias

Fala, Atleticano

Brasileirão 2019

Após o título do Furacão pela Copa do Brasil, o estado de êxtase que cada athleticano vive é algo surreal. É um momento mágico, fruto…