17 fev 2016 - 14h05

Torcida já faz fila para comprar ingressos

Detentora do recorde de público nos quatro maiores estádios da cidade (Arena da Baixada, Couto Pereira, Pinheirão e Vila Capanema), além do Janguito Malucelli, a torcida atleticana mais uma vez dá mostras da força da sua paixão.

Contando com pouco mais de 22 mil associados, o clube vai oportunizar a outros milhares de torcedores a experiência de estarem ao lado do Furacão em uma partida histórica na próxima quarta-feira (24). Nesta noite o Estádio Joaquim Américo será um dos únicos no mundo a ter gramado artificial, que vem sendo colocado desde o último mês de dezembro, para partidas oficiais de futebol profissional.

Outro fator relevante é que a partida de estreia do novo piso será justamente pela Primeira Liga, competição inovadora organizada pelos próprios clubes, e pode garantir a classificação do Rubro-Negro para a semifinal. Assim, desde a confirmação oficial de que haverá um preço promocional para os ingressos já se formaram filas nas bilheterias do estádio atleticano, que deve ter seu recorde de público batido após a reinauguração pós-obras para a Copa do Mundo 2014.

Segundo dados oficiais do clube, o maior público presente até o momento foi entre a então campeã mundial Espanha contra a Austrália, em 23 de junho de 2014, com 39.375 espectadores. Entre clubes, o Atletiba do primeiro turno do ano passado, com 30.120 torcedores, foi o maior público do novo estádio.

Ingredientes não faltam para o torcedor fazer a festa e levar o Atlético à classificação para as semifinais do torneio. Veja informações sobre a compra de ingressos no site oficial , lembrando que a troca de 20 apostas da Timemania dos concursos 842, 843, 844 e 845 marcando o Atlético como clube do coração também valem uma entrada.



Últimas Notícias

Torcida

Colecionadores da nossa paixão

Para alguns torcedores atleticanos, não basta apenas vestir a camisa por amor. É preciso guardar algumas, centenas delas num acervo particular, em coleções prá lá…

Torcida

As histórias por trás dos acervos

Cada colecionador é, de certa forma, guardião de um pedaço da história do clube. E cada coleção também acaba criando sua própria história. Nenhuma nasce,…