24 ago 2016 - 21h36

Começou mal

A partida de ida pelas oitavas de final da Copa do Brasil, contra o Grêmio, na Arena da Baixada, terminou com um resultado negativo para o Atlético. Desfalcado e com um time sem entrosamento, o Furacão perdeu para o Grêmio por 1 a 0, com gol de Bolaños, aos seis minutos da primeira etapa e agora terá que vencer a partida de volta, na casa dos adversários, para poder seguir na competição. Ao fim do jogo, a torcida vaiou muito a diretoria atleticana e protestou contra alguns jogadores do clube. O próximo encontro com os gaúchos, pela Copa do Brasil, é no dia 21 de setembro, na Arena do Grêmio, em Porto Alegre.

O primeiro tempo foi um teste de paciência para o torcedor atleticano. O Furacão não viu a cor da bola, enquanto o Grêmio dominava o jogo e era melhor tática e tecnicamente. Logo aos seis minutos, Douglas recebeu de costas e, em um bonito toque de calcanhar, passou para Bolanõs. O atacante invadiu a área e, cara a cara com Weverton, tocou no canto direito. Após o gol, o Furacão tentou adiantar a marcação, mas barrava na falta de entrosamento e pressa. Com isso, os gaúchos chegaram duas vezes com Luan, pelo lado esquerdo. Na primeira, aos 16 minutos, o jogador chutou de meia distância, rasteiro, mas Weverton defendeu. Na segunda, aos 37 minutos, em jogada muito parecia, o gremista chutou por cima da meta atleticana. E, sem ver a cor da bola, o Rubro-negro terminou o primeiro tempo sem nenhuma chance de gol.

O Atlético adiantou a marcação na segunda etapa e, com Juninho e João Pedro, que entraram no intervalo, o time conseguiu pressionar o Grêmio. Aos nove minutos, João Pedro cruzou na área e Luan tocou de cabeça, mas Grohe defendeu. Aos 22 minutos, foi Juninho quem cruzou, pela direita e, o mesmo Luan tentou de cabeça, mas Grohe segurou firme novamente. Aos 31 minutos, João Pedro cruzou novamente e, André Lima, na pequena área, cabeceou, mas o goleiro gremista, em um lance de muito reflexo, espalmou para o alto e a bola saiu para fora. No fim do jogo, o Atlético abriu a marcação e o Grêmio encontrou vários espaços nos contra-ataques. Em um deles, aos 42 minutos, Wallace lançou Luan que, dentro da área, chutou para fora. O árbitro apitou o fim do jogo e, sob muitas vaias, o Atlético saiu derrotado, dentro da Arena.

DESTAQUE POSITIVO: João Pedro. O jogador teve lucidez no meio de campo e criou alguns lances de perigo.

DESTAQUE NEGATIVO: Marcos Guilherme. Perdido durante todo o tempo que este em campo, o jogador não produziu nada para o time.

O GOL
Grêmio – 06’1º – Bolanõs – Douglas recebeu de costas e, de calcanhar, serviu Bolaños, que não desperdiçou.

PRÓXIMOS JOGOS: Botafogo (casa), Figueirense (fora) e Internacional.

%ficha=1202%



Últimas Notícias

Fala, Atleticano

Time voando baixo

Foi um “Passeio”, o time comandado por Eduardo Barros, deu aula… Os meninos Christian e Erick, comando meio de campo, Wellington o “maestro” regendo a…

Opinião

Libertadores, estamos aqui

Do alto da nossa sétima participação na Copa Libertadores da América, temos que reconhecer que já temos muita história para contar: da primeira participação, via…