12 fev 2017 - 18h58

Vacilo fora

O Atlético entrou novamente com um time de pratas da casa, priorizando a Libertadores. Do 11 titular, apenas Léo e Luis Henrique, contratado no início da temporada, não passaram pelas categorias de base do clube.

A equipe alternativa novamente não conseguiu jogar bem e saiu derrotada. Contra o Prudentópolis, o Furacão sofreu 2 a 1 na tarde deste domingo (12), no Estádio Newton Agibert, pela quarta rodada do Campeonato Paranaense. Os gols foram marcados por Baiano e Jean Lucas. O Rubro-Negro balançou as redes de pênalti com Crysan.

Com o resultado negativo, o Atlético está na 10ª posição, com apenas dois pontos. O Prude chegou à vice-liderança, com oito pontos conquistados. O próximo compromisso do Furacão no Campeonato Paranaense será o clássico Atletiba no domingo (19), às 17h, na Arena da Baixada. Antes, o Rubro-Negro recebe o Deportivo Capiatá quarta-feira (15), às 21h45, pela Libertadores.

Derrota no Newton Agibert

Com o apoio de sua torcida, o Prudentópolis, nos primeiros minutos, tentou envolver a zaga atleticana, mas sem muito perigo. O lateral-direito Lito foi o único a arriscar em chute cruzado, defendido por Santos. Depois dos 20 minutos, o Furacão equilibrou a partida e teve dois lances de gol. Aos 26’, Nicolas cruzou para Douglas Coutinho, que chutou para grande defesa do goleiro Edivaldo. No rebote, o volante Luiz Otávio bateu para fora. Na segunda oportunidade, Coutinho fez grande jogada pela esquerda e tocou para Luis Henrique, que também parou no arqueiro adversário. O próprio Coutinho pegou a sobra e chutou rente ao travessão.

No segundo tempo, o Prudentópolis abriu o placar no início. Logo aos 6’, o atacante Baiano recebeu cruzamento de Jean Lucas e chutou em cima de Santos, mas, no rebote, não desperdiçou, 1 a 0. Os jovens do Atlético, porém, não se abalaram e, momentos depois, chegaram ao empate. Após jogada de Rossetto pela esquerda, Luis Henrique foi derrubado dentro da área por Lito, pênalti. Na cobrança, Crysan bateu no canto direito do goleiro Edivaldo e igualou o placar. A partida ficou equilibrada até os 40 minutos, quando Jean Lucas arriscou de fora da área, a bola quicou na frente do goleiro Santos, que aceitou, 2 a 1. Sem tempo para uma reação, o Furacão saiu derrotado pela primeira vez no Estadual.

PRIMEIRA DERROTA: Após dois empates, diante do Rio Branco e do PSTC, o Furacão conheceu sua primeira derrota no Campeonato Paranaense. O Furacão não esteve bem durante a partida, sofreu o primeiro gol e empatou de pênalti. A derrota aconteceu nos minutos finais, após um chute de fora do adversário. O Atlético tem um jogo a menos – a partida contra o Toledo, pela segunda rodada, ainda não tem data e horário definidos.

OS GOLS
1×0 – 6’/2º: Baiano – Depois de cruzamento, o camisa 11 tentou duas vezes para abrir o placar.
1×1 – 11’/2º: Crysan – Após Luis Henrique sofrer pênalti de Lito, o camisa 96 foi para a cobrança e bateu forte no canto direto, sem chances para o goleiro.
2×1 – 40’/2º: Jean Lucas – O camisa 7 arriscou de fora e contou com uma ajuda do gramado para decretar a vitória ao Prudentópolis.

PRÓXIMOS JOGOS: Deportivo Capiatá (casa), Coritiba (casa), Deportivo Capiatá (fora).

%ficha=1225%



Últimas Notícias

Libertadores

É bom rever você, Walter!

Foram necessários apenas oito minutos em campo contra o Jorge Wilstermann e um único chute a gol para uma história ser coroada com choro, abraços…