20 fev 2017 - 17h24

Adeus, gramado artificial?

Tema ainda gera certa polêmica.[foto: site oficial]

A CBF comunicou que os jogos oficiais por ela organizados não poderão ser disputados em campos com gramados artificiais. A decisão passa a valer a partir de 2018.

O Atlético é o principal atingido pela decisão da entidade, já que é o único clube das principais divisões do Campeonato Brasileiro que conta com a tecnologia – que, vale lembrar, é credenciada pela FIFA.

A decisão da CBF se baseia em um suposto "desnível técnico" causado pelo gramado. Ou seja, o Atlético levaria vantagem em relação aos concorrentes. A proposta da vedação veio do Vasco da Gama.

Como a decisão só vale a partir de 2018, ainda não se sabe qual medida o Furacão tomará. Até esta data, é possível que a CBF reveja o ato ou que o Atlético decida ir à Justiça comum para resguardar seus direitos.



Últimas Notícias