12 jul 2017 - 23h42

Time sem vergonha!

O Furacão passou vergonha mais uma vez na Arena da Baixada. Diante do Cruzeiro, o time perdeu por 2 a 0, na noite desta quarta-feira (12), pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro. Os gols foram de Lucas Romero e Rafael Marques.

Com o resultado, o Furacão cai uma posição, é o 15º colocado, com 15 pontos. No próximo sábado (15), às 19h, o Furacão volta a campo para enfrentar o Corinthians na Arena Itaquera.

Furacão tem a posse, mas não ofensividade

O jogo foi fraco tecnicamente. O Furacão começou com mais posse de bola e acionava bastante Jonathan e Nicolas pelas laterais, mas tinha dificuldades em criar jogadas de perigo. As principais jogadas eram em bolas alçadas na área, que ficavam fáceis para o goleiro Fábio.

O Cruzeiro apostava nos contra-ataques e assustou Weverton pela primeira vez aos 12 minutos. Thiago Neves recebeu na entrada da área e chutou no ângulo direito, mas o goleiro atleticano salvou. Nikão respondeu também com um arremate de fora, mais a bola foi por cima da meta adversária.

O Furacão seguiu girando a bola e tentando achar espaços na defesa do Cruzeiro, mas, em um contra-ataque rápido, o time mineiro abriu o placar. Alisson cruzou da direita e Lucas Romero, livre na pequena área, só completou para as redes, aos 27′. O Furacão teve a chance de empatar com Sidcley, após boa jogada de Ederson pela esquerda, mas o lateral deixou a bola passar por baixo de suas pernas.

Matheus Anjos entra bem, mas Cruzeiro mata o jogo

No segundo tempo, Kelly colocou Matheus Anjos, e o time teve mais poder ofensivo. Com triangulações entre o garoto, Jonathan e Nikão, o Furacão chegou mais ao ataque. Aos 30′, o próprio Nikão teve uma boa chance após cruzamento de Cascardo – que entrou no lugar de Nicolas-, mais chutou fraco.

Eduardo da Silva, de cabeça, e Matheus Anjos, de fora da área, também arriscaram, mas faltou qualidade para o time. O Cruzeiro jogava nos contra-ataques e, aos 40′, matou o jogo com Rafael Marques. Após chute de Thiago Neves, Weverton deu rebote e o atacante garantiu a vitória para os mineiros.

Matheus Anjos: Difícil encontrar um ponto positivo neste jogo. Mas vale ressaltar novamente a boa partida do meia Matheus Anjos. Ele entrou no intervalo, no lugar de Ederson, e deu mais opções para o Furacão no setor ofensivo.

Time apático: O Furacão foi novamente apático. O time até teve mais posse de bola, mas os toques são sempre para trás. A equipe não consegue ter uma ofensividade e, com isso, não faz o goleiro adversário trabalhar. Contra o Cruzeiro, isso ficou ainda mais nítido.

OS GOLS:
0 x 1 – 27’/1º: Lucas Romero – Após cruzamento de Alisson, o volante, livre na área, bateu no canto de Weverton.

0 x 2 – 40’/2º: Rafael Marques – O atacante aproveitou o rebote de Weverton, após ele defender um chute de Thiago Neves, e garantiu a vitória para o Cruzeiro

PRÓXIMOS JOGOS: Corinthians (fora) e Botafogo (casa).

%ficha=1263%



Últimas Notícias

Opinião

E lá se vão 6 anos

O tempo passa. Completamos hoje 6 anos de Nikão no Athletico. Há exatos 6 anos recebíamos Maycon Vinicius Ferreira da Cruz, conhecido como Nikão. Quando…

Ao Sol e à Sombra

Caju

Dizem que onde o goleiro pisa, nunca mais cresce a grama. Mas no estádio Joaquim Américo, mesmo agora, com o gramado sintético, a grama é…

Fala, Atleticano

Pandemia x Pandético

Infelizmente em 2020 tivemos que conviver com esta pandemia, isolando jogadores e torcida, mas como reflexão sabemos que a cada dia que passa esta situação…

Fala, Atleticano

Planejamento

Alguns equívocos sucederam a saída de Thiago Nunes da equipe principal, razão pela qual da queda brutal no desempenho em campo, este recuperado parcialmente para…

Fala, Atleticano

O pior Atletiba que eu vi

Olha, foi “tenso” assistir o Clássico… Sóbrio , ver o jogo, nem pensar… Jesus, que “Show de Horrores” !!!! Uma equipe, tentando jogar apesar de…