O Fala, Atleticano é um canal de manifestação da torcida do Atlético. Os textos abaixo publicados foram escritos por torcedores rubro-negros e não representam necessariamente a opinião dos responsáveis pelo site. Os autores se responsabilizam pelos textos por eles assinados. Para colaborar com um texto, clique aqui e siga as instruções. Confira abaixo os textos dos torcedores rubro-negros:
3 abr 2019 - 10h17

La Bombaixada

TORCIDA DEU SHOW

Pouco mais de 30 mil pessoas, foram a Baixada e deram um show, mesmo sem a Bateria, faixas, caveiras e outros adereços, a organizada puxava as musicas e o estádio ia junto.. Foi lindo.. Tão lindo que impressionou até a torcida argentina que compareceu no jogo..

NERVOSISMO NO INÍCIO, DEPOIS UM “TANGO”..

O Athletico sentiu o começo do jogo, respeitou a camisa e o elenco renomado xeneize e quase custou caro com menos de um minuto, quanto Santos errou a saída de bola e Tevez quase abriu o placar.. Alias só fez isso, no jogo inteiro.

Depois só deu Furacão..

Um três a zero sonoro, com direito a Olé..

MARCO RUBEN

De fato é um “matador”, sempre acompanhando as jogadas e bem posicionado, jogador que toca pouco na bola, mas resolve.

LUCHO GONZALEZ

O Camisa três, mesmo fazendo seu primeiro jogo na temporada e sem ritimo, deu mostras que ainda faz a diferença, jogou muito, desarmou, entrou na área e participou de dois gols do time, Foi um “maestro” e saiu de campo aplaudido de pé, pela torcida..

TIAGO NUNES

Que treinador, armou um esquema e surpreendeu o time argentino e mesmo feliz como o torcedor atleticano, teve racionalidade na coletiva.

TOLIMA

Agora vem o time colombiano, precisamos esquecer a empolgação do jogo contra o Boca e saber que o time colombiano tem uma boa equipe e complicou o Boca na Argentina, perdeu, mas jogou bem..

Estamos no caminho certo, mas ainda falta muito… Esse tem que o sentimento do time.. A Torcida… Deixa pra lá..



Últimas Notícias

Opinião

Libertadores, estamos aqui

Do alto da nossa sétima participação na Copa Libertadores da América, temos que reconhecer que já temos muita história para contar: da primeira participação, via…