24 abr 2019 - 21h30

Com dois pênaltis contra, Athletico perde para o Jorge Wilstermann

O Athletico perdeu por 3 a 2 para o Jorge Wilstermann na altitude de Cochabamba e não conseguiu atingir os 12 pontos que o garantiriam nas oitavas-definal da competição sem depender de outro resultado.

Mas a classificação veio depois, com o empate entre Deportes Tolima e Boca Juniors por 2 a 2.

Primeiro tempo

O jogo começou em ritmo intenso, com o Athletico trocando passes em velocidade e tentando encurralar os donos da casa. Logo aos 3 minutos, Nikão cobrou falta na área e Marco Ruben, sozinho, desperdiçou a chance de abrir o placar. O Furacão seguia pressionando e teve vários escanteios a seu favor, porém cedia espaços na defesa em lances de contra-ataque, quase sempre puxados pelo brasileiro Serginho.

Embed from Getty Images

O ímpeto inicial do Athletico foi esfriando e, aos 22 minutos, os donos da casa aproveitaram um rebote da zaga rubro-negra e, num chute forte de Pedriel, abriram o placar.

O primeiro tempo seguiu em ritmo mais lento e parecia caminhar para um final com a vantagem dos Aviadores, porém aos 39 minutos Renan Lodi arriscou um chute de longe e contou com desvio do defensor Ballivián para enganar o goleiro e empatar a partida.

Bola na mão é fatal

O Athletico voltou sem alterações para o segundo tempo e viu o adversário começar com outra postura. O Jorge Wilstermann exerceu pressão nos minutos iniciais e aos 3 minutos teve um pênalti marcado a seu favor. A bola bateu no braço de Jonathan e o árbitro assinalou a penalidade máxima.

Ortíz cobrou e colocou novamente os donos da casa em vantagem. Porém, apenas 7 minutos depois, Renan Lodi – um dos destaques da partida – foi derrubado na área e o juiz marcou pênalti. Marco Ruben cobrou com tranquilidade e anotou seu quinto gol na competição.

O jogo seguiu aberto até a metade do segundo tempo, com os dois times buscando a vitória e criando oportunidades. A partir de então, ambos diminuíram o ritmo e o jogo parecia caminhar para o empate.

Mas aos 40 minutos, em cruzamento na área, Ortiz chutou para o gol e a bola acertou o braço de Paulo André. Terceiro pênalti da partida, segundo contra o Athletico por bola na mão, convertido por Carlos Melgar, colocando números finais ao jogo.

Próximos confrontos

Pela Libertadores, o Furacão volta a campo apenas no dia 09/05, contra o Boca Juniors no estádio La Bombonera. Porém, os comandados de Tiago Nunes iniciam já neste domingo uma maratona de jogos com o início do Campeonato Brasileiro, em partida contra o Vasco, na Arena da Baixada às 16:00.



Últimas Notícias

Fala, Atleticano

Show e alguns argentinos

ESQUENTA A noite começou do jeito que o athleticano gosta: Festa, Bandeirão, Cantoria e Bateria, infelizmente fora do Estádio. #LIBERAABATERIAPETRAGLIA. VOLTA DA FELICIDADE Entendo quem…