1 maio 2019 - 9h43

Furacão invade o Nordeste

Há tempos existe uma conversa no âmbito do futebol sobre a grandeza dos clubes. Times como Flamengo e Corinthians, principalmente, são considerados gigantes por todos no país, pois possuem a maior parte da concentração de torcedores de futebol no Brasil, muito embora também possuam conquistas, títulos, estrutura.

O Athletico é um clube muito inovador. Possui Centro de Treinamento de excelência, um dos estádios mais modernos da América, muita estrutura física, time de primeira linha e está enchendo a sala de troféus com títulos cada vez mais importantes.

Mas a concentração de torcedores ainda é muito municipalizada. No norte do estado do Paraná, muitos torcem para os times de São Paulo. Ao Sul, torcem para os times do Rio Grande do Sul. Fora do estado, para times de outras regiões.

Mas recentemente, a Furacao.com descobriu no Twitter uma conta chamada “Athletico Nordeste” (@AthleticoNordes). Resolvemos então verificar sobre o que se tratava e nos deparamos com a seguinte realidade: há torcida rubro-negra paranaense em terras nordestinas.

O dono da conta é Pedro Caminha, 21 anos, natural de Campina Grande, fanático pelo Furacão desde pequeno. A paixão tem relação com a família de origem paranaense. Mas virou atleticano mesmo ao acompanhar a alegria do tio comemorando o título do Campeonato Brasileiro de 2001. Tinha apenas 5 anos na época, mas lembra de sentir “sua paixão florescendo”. Não parou de acompanhar o time a partir desde então.

Arte: Preto Simões

O “Athletico Nordeste” surgiu sem muita pretensão. Pedro gostaria apenas de falar sobre o Furacão. Resolveu, por acaso, consultar a relação com “nordeste” e como não havia nenhum perfil com essas características, resolveu criá-lo. Pediu ajuda a alguns amigos e outras contas de rubro-negros e viu sua conta crescer.

Rapidamente, começaram a aparecer atleticanos espalhados pela região: Macambira (Sergipe), Balsas (Maranhão), Fortaleza (Ceará), Recife (Pernambuco), Natal (Rio Grande do Norte), João Pessoa (Paraíba), São Luís (Maranhão), Paracuru (Ceará), Porto de Galinhas (Pernambuco) e Caicó (Rio Grande do Norte).

A conta, criada em março, já tem 870 seguidores. Agora, está se ampliando para grupos de WhatsApp, marcando viagens com atleticanos para acompanhar o time no Nordeste, ajudando a representar nossa torcida.

Nesta temporada, o Furacão jogará pelo menos quatro vezes na região: duas vezes em Fortaleza, uma em Maceió e outra em Salvador. O primeiro confronto é nesta quarta-feira (1/5), contra o Fortaleza no Estádio Castelão. Além dos que costumam viajar para apoiar o Furacão, a torcida atleticana será formada também por muitos Atleticanos do Nordeste:

O propósito do movimento é alcançar o maior número de torcedores possível na região. Ele deseja o que todo atleticano que se preze também quer: uma torcida cada vez maior e mais forte, em todos os lugares!

O Furacão está ventando forte! E em todos os cantos do país!

Assuntos: | |


Últimas Notícias

Fala, Atleticano

Show e alguns argentinos

ESQUENTA A noite começou do jeito que o athleticano gosta: Festa, Bandeirão, Cantoria e Bateria, infelizmente fora do Estádio. #LIBERAABATERIAPETRAGLIA. VOLTA DA FELICIDADE Entendo quem…