11 maio 2019 - 14h46

Thiago Heleno e Camacho foram pegos no antidoping; clube ainda não se pronunciou

O zagueiro Thiago Heleno e o volante Camacho foram pegos no controle antidoping da Conmebol. A informação foi divulgada em primeira mão neste sábado (11/5) pelo UOL Esporte e rapidamente se espalhou nas redes sociais.

A matéria, de Napoleão de Almeida, informa que a entidade notificou o clube quanto ao zagueiro Thiago Heleno, que está suspenso preventivamente – esta foi a razão pela qual ele não vem atuando nas últimas partidas. O uso de substância teria sido identificado após o jogo contra o Tolima, no dia 9 de abril, na vitória por 1 a 0 do Furacão na Arena da Baixada.

O volante Camacho foi submetido ao controle antidoping no jogo contra o Jorge Wilstermann, no dia 24 de abril, na derrota por 3 a 2, mas ainda se aguarda o resultado da contraprova.

Nutricionista

A substância teria sido ingerida por meio de um suplemento indicado pelo próprio departamento de nutrição do clube. Segundo o UOL, outros atletas também teriam utilizado a substância – casos de Bruno Guimarães e João Pedro (hoje no Paraná).

Este teria sido o motivo do afastamento do meia Bruno Guimarães do jogo contra o Boca Juniors, na última quinta-feira. Bruno foi cortado às vésperas do jogo para surpresa geral. O clube informou que ele estava com amigdalite.

E agora?

Pelo regulamento da entidade, o uso de substância proibida pode gerar sanção apenas ao atleta. Portanto, o clube não corre risco de perda de pontos ou de qualquer outra punição.

Thiago Heleno está suspenso preventivamente. Haverá prazo para recurso.



Últimas Notícias

Opinião

Adeus ano “velho”!

  Lembro-me como se fosse hoje dos sentimentos experimentados no último Réveillon. Onde momentos antes de iniciar a contagem para receber 2019, me peguei agradecendo…

Opinião

De que são feitos os ídolos?

Quando Marco Ruben vestiu a camisa atleticana pela primeira vez, já era um ídolo rubro-negro. Simples assim. E não se trata da famosa gringolatria. Alguns…