O Fala, Atleticano é um canal de manifestação da torcida do Atlético. Os textos abaixo publicados foram escritos por torcedores rubro-negros e não representam necessariamente a opinião dos responsáveis pelo site. Os autores se responsabilizam pelos textos por eles assinados. Para colaborar com um texto, clique aqui e siga as instruções. Confira abaixo os textos dos torcedores rubro-negros:
14 jun 2019 - 10h02

Uma derrota atrás da outra

Para quem quer ser campeão do Mundo até 2024, o caminho que o Athletico está seguindo não vai levar a lugar algum. O Athletico é hoje um arremedo de time grande, ladra, ladra mas não assusta mais.
Seja pela rotatividade do elenco, pelo uso de substâncias proibidas (que até agora não foram explicadas), seja pela falta de contratações com um mínimo de qualidade técnica. Pois quem tem Bambu, Madson, Márcio Azevedo, Cittadini, Marcelo Cirino e Thonny Anderson, fica difícil pela falta de qualidade e empenho desses atletas.
Isso sem falar dos goleiros, o Léo é vergonhoso, até o Rodolfo que foi embora joga mais do que ele, o Santos entrou numa maré de baixa qualidade, que culminou no frangaço de ontem,.
O Athletico entrou em campo ontem como se fosse a última partida do ano, sem compromisso, jogando sabendo que não iria cair.
O Tiago Nunes, não posso dizer se está prestigiado, uma vez que está perdendo a mão e o respeito do elenco, que a partida de ontem é um exemplo de um elenco que quer derrubar o técnico.
Essa história de revezamento mudando meio time a cada partida tem demonstrado que é muito falha, os resultados estão aí para comprovar.
Enquanto isso o sr. e dono do Athletico, fica a esfregar as mãos esperando a grana que deve faturar com a venda das principais estrelas do clube, e não se toca no assunto de reforçar o elenco.
Não adianta trazer pernas de pau como os citados acima.
Essa pausa no campeonato vai ser o divisor de águas para o Athletico se reforçar, ou continuar nessa balada e vai chegar ao final do ano talvez com um prêmio de consolação uma vaga para a Sul Americana e olha lá.
Não é admissivel que um elenco que jogou “meia dúzia” de partidas desde o início do ano já esteja em frangalhos.
Como diz um ditado: Tem alguma coisa de podre no Reino da Dinamarca.
Vamos esperar que nesses 30 dias consigam encontrar uma solução para o resto da temporada que tinha tudo para ser promissora, por enquanto está sendo joga no lixo, com a anuência do dono do time.
Pois, o que vimos ontem foi uma total falta de profissionalismo e vontade dos atletas.
Não desmerecendo a vitória e o elenco goiano e o seu técnico com cara de perdedor Claudinei Oliveira.
O Goiás só ganhou da Chape por que um dos catarinenses foi expulso e aí eles deitaram e rolaram 3×1.
E ontem se não fosse pela ruindade dos atacantes goianos 4×1, 5×1 seria pouco pelo que jogaram contra o Athletico.
Foi uma derrota vergonhosa mesmo, tanto que não mais existem desculpas do sr. Tiago Nunes, para explicar mais um vexame fora de casa.



Últimas Notícias

Fala, Atleticano

Furacão na berlinda

Falta comando e cobrança no futebol, o time é preguiçoso e descomprometido. Também falta planejamento, ficam os três primeiros meses sem jogar e consequentemente chegam…