9 jul 2019 - 12h13

Flamengo se reforçou. Já o Athletico…

Um dos mais brilhantes e promissores jogadores formado no CT do Caju se foi durante a pausa para a Copa América. O lateral esquerda Renan Lodi foi vendido para o Atletico de Madrid por aproximadamente R$ 90 milhões segundo especulações da imprensa, tendo o Furacão direito a metade dos seus direitos econômicos.

E mesmo com a visível necessidade de contratar, não só para repor a inegável perda de um de seus melhores jogadores como pelos resultados do clube no último mês, demonstrando de maneira inequívoca a necessidade de se reforçar o elenco, o clube pouco investiu durante a inter temporada.

Se por um lado o Flamengo, adversário na partida válida pelas quartas de final da Copa do Brasil nesta quarta (10) trouxe o renomado treinador português Jorge Jesus e o lateral Rafinha com vitoriosa carreira na Europa, o Athletico ainda não trouxe substitutos à altura para os atletas Thiago Heleno e Camacho, suspensos por doping já há quase dois meses além da perda pela venda do lateral Renan Lodi.

As únicas mexidas no mercado no período foram a vinda do zagueiro Pedro Henrique que sequer estava sendo relacionado no Corinthians e o meia atacante Pedrinho do Oeste que com somente 19 anos veio para o time de aspirantes.

Muito pouco para quem ainda possui um calendário recheado em 2019 e criou tantas expectativas para seu torcedor.



Últimas Notícias

Notícias

De novo a dupla Fla x Flu

Há jogos que mesmo não sendo decisivos acabam sendo marcantes. Lógico que uma final, uma partida que valha vaga para uma fase aguda de uma…

Notícias

Adeus, professor Vadão

Hoje (25) à tarde faleceu Oswaldo Alvarez, o Vadão, que estava internado tratando um câncer no fígado. A notícia vem logo após um domingo nostálgico…

Memória

2002 COM MUITA PAZ

Na tarde do dia 23 de Dezembro de 2001, o Furacão conquistava o seu primeiro título nacional! A partida final, em São Caetano do Sul,…