22 jul 2019 - 10h53

As mudanças de Athletico e Boca na busca pela glória

Athletico e Boca Juniors fazem os ajustes finais para os duelos das oitavas de final da Copa Libertadores da América. As duas equipes apresentaram importantes mudanças nos seus elencos desde os últimos confrontos na fase de grupos.

Do lado rubro-negro, Thiago Heleno e Camacho (que aguardam julgamento do caso de dopping), Wellington (suspenso do jogo de ida) e Renan Lodi (que integra o elenco do Atlético de Madri, após a maior negociação da história do Furacão) são os desfalques para a sequência do campeonato.

São cinco novidades para a fase mata-mata: os zagueiros Lucas Halter e Pedro Henrique (este recém contratado junto ao Corinthians), o lateral esquerdo Abner (recém contratado da Ponte Preta), o meia Bruno Nazário (agora recuperado de lesão) e o atacante Vitinho, foram inscritos na competição continental e aparecem como opções para o técnico Tiago Nunes.

Deixaram a lista Zé Ivaldo (zagueiro; emprestado ao Vitória), Renan Lodi (lateral esquerdo; negociado), João Pedro (meia; emprestado ao Paraná), Bergson (atacante; negociado com o Ceará) e Gabriel Poveda (atacante; emprestado ao Juventude).

Já do lado “Azul y Oro”, o técnico Gustavo Alfaro sabe que terá que atuar com sua zaga reserva na Baixada. Com Carlos Izquierdoz suspenso e Lisandro López lesionado, o treinador deverá promover as entradas de Junior Alonso e Paolo Goltz. A dupla já foi testada nos últimos amistosos da pré-temporada argentina, contra Tijuana e Atlético Tucumán.

 O Boca Juniors também terá novidades na sequência da temporada. O meia Alexis Mac Allister (emprestado pelo Brighton-ING) e os atacantes Jan Hurtado (vindo do Gimnasia-ARG) e Eduardo Salvio (vindo do Benfica-POR), foram contratados e devem estar disponíveis para a primeira partida, em Curitiba.

O italiano campeão mundial De Rossi ainda não foi confirmado pela diretoria – apesar das negociações estarem avançadas – não podendo, em todo caso, participar das oitavas de final da competição.

O grande desfalque dos xeneizes fica por conta de Darío Benedetto – além de estar negociado com o Olympique de Marseille (FRA), o atacante apresentou nos últimos dias um problema muscular e não enfrenta o Athletico.

Confira a relação completa dos jogadores rubro-negros inscritos para Libertadores

Goleiros: Santos, Léo e Caio.

Zagueiros: Pedro Henrique, Lucas Halter, Robson Bambu, Léo Pereira, *Thiago Heleno (doping) e *Paulo André (agora diretor de futebol, não atuará e deverá ser substituído desta lista em caso de classificação para próxima fase).

Laterais: Jonathan, Márcio Azevedo, Madson e Abner (ex-Ponte Preta).

Meio-campistas: Lucho González, Matheus Rossetto, Bruno Guimarães, Tomás Andrade, Léo Cittadini, Bruno Nazário, Erick, *Wellington (suspenso do 1º jogo) e *Camacho (doping).

Atacantes: Nikão, Rony, Marco Ruben, Braian Romero, Jaderson, Marcelo, Vitinho e *Anderson Plata (*transferido para o Tolima, deverá ser substituído desta lista).

Athletico e Boca se enfrentam pela Libertadores. Foto: FURACAO.COM/Joka Madruga

Escalações: CABJ x Athletico – Fase de Grupos (09/05)

Tiago Nunes e Gustavo Alfaro mandaram a campo, respectivamente, os seguintes times no último confronto, em Maio, em La Bombonera:

Athletico: Santos; Jonathan, Paulo André (Bambu), Léo Pereira e Renan Lodi; Wellington, Lucho González (Erick) e Léo Cittadini; Nikão, Rony e Marco Rúben (Márcio Azevedo).

Boca Juniors: Andrada; Buffarini, L. López, Izquierdoz e Más; Marcone, Nández, Villa (Tevez) e Almendra (Pavón); Zárate e Benedetto (Ábila).

Prováveis escalações: Athletico x CABJ – Oitavas (24/07)

Tendo em vista as mudanças executadas pelas equipes, os últimos amistosos realizados pelo Boca Juniors e o desempenho atual das equipes de Tiago Nunes e Alfaro, estes são os possíveis 11 titulares a iniciarem a partida de ida na Arena:

Athletico: Santos; Jonathan, Pedro Henrique, Léo Pereira e Márcio Azevedo; Lucho González, Bruno Guimarães e Léo Cittadini; Nikão, Rony e Marco Rúben.

Boca Juniors: Andrada; Weigandt, Goltz, Alonso e Más; Marcone, Nández, Villa e Mac Allister; Zárate e Ábila.

Compromissos pela Libertadores

A primeira partida entre Furacão e Boca acontece na próxima quarta-feira (24)às 21h30 (horário de Brasília), na Arena da Baixada. A decisão será no dia 31 deste mês, na Bombonera, em Buenos Aires, na Argentina.

Quem se classificar enfrentará o vencedor de Olimpia (PAR) x LDU (EQU), nas quartas de final. Além disso, garante mais uma premiação – agora no valor de US$1,2 milhão (R$4,7 milhões).

Passadas as oitavas de final, os clubes classificados poderão realizar mais duas trocas para as quartas e, por fim, outras duas mudanças para as semis.



Últimas Notícias

Fala, Atleticano

Faltou categoria

Em uma partida equilibrada na primeira etapa, onde o Athletico poderia ter tido uma melhor sorte e não ter saído com um placar adverso, não…