28 jul 2019 - 10h40

Maiores públicos do Athletico na Arena da Baixada

A partida entre Athletico e Boca Juniors da última quarta-feira, pelas oitavas de final da Copa Libertadores, entrou para a lista de maiores públicos do rubro-negro no Estádio Joaquim Américo.

Mesmo com todos ingressos esgotados para a torcida atleticana, o duelo não teve o estádio completamente lotado por causa da torcida argentina que não lotou o espaço destinado para a torcida adversária e por causa dos sócios atleticanos que não estiveram presentes.

Relembre aqui os 5 maiores públicos atleticanos na Arena da Baixada:

5º – Athletico 0x1 Boca Juniors – 34.465 – Oitavas de final, Copa Libertadores 2019

               A derrota para o Boca Juniors marcou o quinto maior público do Athletico na Baixada, estiveram presentes 34.465 pessoas. A partida ficou marcada pela volta da festa no Caldeirão, a diretoria atleticana e a torcida organizada “Os Fanáticos” entraram em acordo depois de muitos jogos em que a torcida esteve proibida de entrar com seus materiais no estádio.

A torcida atleticana esgotou os ingressos e o clube conseguiu uma renda de R$1.595.215,00, terceira maior entre jogos do Furacão, atrás apenas do confronto contra o mesmo Boca Juniors pela fase de grupos da Libertadores (R$1.790.220,00) e da final da Copa Sul-americana contra o Junior Barranquilla (R$2.084.560,00).

4º – Athletico 1×0 Criciúma – 35.746 – Primeira Liga 2016

O confronto entre Athletico e Criciúma pela extinta Primeira Liga teve 35.746 presentes, na época foi o recorde de público entre os jogos do Athletico na Arena. O fato mais marcante desse duelo foi a estreia do gramado sintético. O rubro-negro venceu por 1×0 com gol de Otávio aos 41 minutos do segundo tempo.

Visando o recorde, a diretoria atleticana vendeu ingressos a R$40,00 inteira e R$20,00 a meia-entrada. Também foi a primeira vez que a diretoria permitiu que sócios que não pudessem comparecer, enviassem um e-mail liberando sua cadeira para venda. A renda da partida foi de R$726.620,00.

3º Athletico 2×1 Flamengo – 36.519 – Fase de grupos, Copa Libertadores 2017

               Esse duelo de rubro-negros sempre é garantia de bons públicos na Baixada, já que a torcida flamenguista sempre esgota os ingressos da área reservada para os seus torcedores. Na Libertadores de 2017 36.519 pessoas assistiram o confronto e o Furacão se deu melhor, venceu a partida por 2×1 com gols de Thiago Heleno e Felipe Gedoz. Duas rodadas depois o Athletico acabou se classificando e o Flamengo foi eliminado, provando que o resultado da Arena foi determinante.

A renda de R$1.588.815,00 foi a quarta maior entre os jogos do Athletico no Joaquim Américo.

2º Athletico 0x0 Flamengo – 38.020 – 38ª Rodada, Brasileirão 2016

               Mais um Athletico x Flamengo, dessa vez pela última rodada do Campeonato Brasileiro de 2016. A equipe atleticana precisava de um empate para garantir a classificação para a Copa Libertadores de 2017 e o duelo sem gols foi o suficiente. A partida ficou marcada por uma série de homenagens do clube e da torcida para a Chapecoense.

O público total foi de 38.020 e a renda foi de R$1.060.990,00, esta foi a segunda vez que a diretoria atleticana liberou que os sócios que não fossem comparecer pudessem enviar um e-mail liberando a sua cadeira, por isso o confronto registrou o recorde de público atleticano na época.

1º Athletico 1×1 Junior Barranquilla – 40.263 – Final da Copa Sul-americana 2018

               O jogo mais importante da história da Arena da Baixada quebrou o recorde de público do estádio que pertencia ao Paraná Clube, em uma partida pela Série B de 2017. Houve um grande esforço da diretoria para que esse recorde fosse quebrado, todos os sócios tiveram que passar por um sistema de check-in para que o estádio estivesse completamente lotado.

Todos os ingressos foram vendidos e 40.263 pessoas puderam assistir o gol de Pablo, o pênalti perdido por Jarlen Barrera na prorrogação e Lucho González levantar a taça de campeão. O primeiro título internacional do Furacão também quebrou recorde de renda, R$2.084.560,00, os ingressos custaram R$100,00 a inteira e R$50,00 a meia-entrada.



Últimas Notícias

Torcida

Colecionadores da nossa paixão

Para alguns torcedores atleticanos, não basta apenas vestir a camisa por amor. É preciso guardar algumas, centenas delas num acervo particular, em coleções prá lá…

Torcida

As histórias por trás dos acervos

Cada colecionador é, de certa forma, guardião de um pedaço da história do clube. E cada coleção também acaba criando sua própria história. Nenhuma nasce,…