13 out 2019 - 18h50

Athletico perde para o Flamengo na Arena

O Athletico recebeu o Flamengo na Arena da Baixada e foi derrotado por 2 a 0 nesta tarde de domingo (13/10).

Ambas as equipes estavam desfalcadas em virtude das convocações da seleção brasileira. No entanto, elas foram muito mais sentidas pelos rubro-negros paranaenses.

No meio de campo a falta de Bruno Guimarães foi evidente. Lucho González foi o escolhido para substituir o garoto. Mas não deu conta. Lento, não conseguiu auxiliar a equipe na criação de jogadas, muito menos na marcação.

Primeiro tempo

O Athletico fez o seu papel e foi para cima dos visitantes nos minutos iniciais da partida. Mas quem esteve mais perto de marcar foi o Flamengo que até chegou a ter um pênalti marcado, mas que foi revisto e retirado pelo VAR.

A partida seguia equilibrada e tudo indicava um zero a zero no intervalo. Até que a falta do goleiro Santos também foi sentida. Em uma falha bizarra, o goleiro Léo entregou a bola nos pés de Bruno Henrique que não titubeou e abriu o placar na Arena.

Segundo tempo

O Furacão voltou para o segundo tempo já com uma alteração. Não a esperada, que seria a saída e Lucho, mas com Adriano no lugar de Márcio Azevedo.

Em busca do empate o Athletico teve diversas chances de empatar. Algumas não saíram por detalhe, outras devido as ótimas intervenções do goleiro Diego Alves.

Aos 18 do segundo tempo, a segunda substituição. E mais uma vez, outra escolha equivocada por parte do técnico Tiago Nunes. Lucho González deu lugar a outro argentino, com o retorno do atacante Marco Ruben a equipe.

Ao invés de reforçar o setor com a entrada de Erick, que fez excelente partida diante do Corinthians na última rodada, o técnico atleticano preferiu improvisar Thonny Anderson na função.

As alterações não surtiram muito efeito e o Furacão chegava apenas com as boas jogadas de Rony.

Aos 26, mais uma substituição equivocada. Everton Felipe entrou no lugar de Marcelo Cirino e repetiu suas atuações anteriores. Lento e sem vontade, errou a maioria dos passes que tentou e manteve o meio campo do Athletico apagado.

Quando o torcedor esperava o tradicional abafa ao fim do jogo para pelo menos comemorar o empate, a ducha de água fria. Aos 44 minutos do segundo tempo Bruno Henrique fez mais um e encerrou o tabu histórico: foi a primeira vez desde 1974 que o Flamengo vence o Athletico em Curitiba pelo Campeonato Brasileiro.

Próxima partida

O rubro-negro paranaense tem mais um clube carioca pelo caminho. Na próxima quinta o Athletico vai até o Rio de Janeiro para enfrentar o Fluminense, no Maracanã. O duelo tem início ás 21hs.



Últimas Notícias

Notícias

De novo a dupla Fla x Flu

Há jogos que mesmo não sendo decisivos acabam sendo marcantes. Lógico que uma final, uma partida que valha vaga para uma fase aguda de uma…

Notícias

Adeus, professor Vadão

Hoje (25) à tarde faleceu Oswaldo Alvarez, o Vadão, que estava internado tratando um câncer no fígado. A notícia vem logo após um domingo nostálgico…

Memória

2002 COM MUITA PAZ

Na tarde do dia 23 de Dezembro de 2001, o Furacão conquistava o seu primeiro título nacional! A partida final, em São Caetano do Sul,…