13 out 2019 - 18h50

Athletico perde para o Flamengo na Arena

O Athletico recebeu o Flamengo na Arena da Baixada e foi derrotado por 2 a 0 nesta tarde de domingo (13/10).

Ambas as equipes estavam desfalcadas em virtude das convocações da seleção brasileira. No entanto, elas foram muito mais sentidas pelos rubro-negros paranaenses.

No meio de campo a falta de Bruno Guimarães foi evidente. Lucho González foi o escolhido para substituir o garoto. Mas não deu conta. Lento, não conseguiu auxiliar a equipe na criação de jogadas, muito menos na marcação.

Primeiro tempo

O Athletico fez o seu papel e foi para cima dos visitantes nos minutos iniciais da partida. Mas quem esteve mais perto de marcar foi o Flamengo que até chegou a ter um pênalti marcado, mas que foi revisto e retirado pelo VAR.

A partida seguia equilibrada e tudo indicava um zero a zero no intervalo. Até que a falta do goleiro Santos também foi sentida. Em uma falha bizarra, o goleiro Léo entregou a bola nos pés de Bruno Henrique que não titubeou e abriu o placar na Arena.

Segundo tempo

O Furacão voltou para o segundo tempo já com uma alteração. Não a esperada, que seria a saída e Lucho, mas com Adriano no lugar de Márcio Azevedo.

Em busca do empate o Athletico teve diversas chances de empatar. Algumas não saíram por detalhe, outras devido as ótimas intervenções do goleiro Diego Alves.

Aos 18 do segundo tempo, a segunda substituição. E mais uma vez, outra escolha equivocada por parte do técnico Tiago Nunes. Lucho González deu lugar a outro argentino, com o retorno do atacante Marco Ruben a equipe.

Ao invés de reforçar o setor com a entrada de Erick, que fez excelente partida diante do Corinthians na última rodada, o técnico atleticano preferiu improvisar Thonny Anderson na função.

As alterações não surtiram muito efeito e o Furacão chegava apenas com as boas jogadas de Rony.

Aos 26, mais uma substituição equivocada. Everton Felipe entrou no lugar de Marcelo Cirino e repetiu suas atuações anteriores. Lento e sem vontade, errou a maioria dos passes que tentou e manteve o meio campo do Athletico apagado.

Quando o torcedor esperava o tradicional abafa ao fim do jogo para pelo menos comemorar o empate, a ducha de água fria. Aos 44 minutos do segundo tempo Bruno Henrique fez mais um e encerrou o tabu histórico: foi a primeira vez desde 1974 que o Flamengo vence o Athletico em Curitiba pelo Campeonato Brasileiro.

Próxima partida

O rubro-negro paranaense tem mais um clube carioca pelo caminho. Na próxima quinta o Athletico vai até o Rio de Janeiro para enfrentar o Fluminense, no Maracanã. O duelo tem início ás 21hs.



Últimas Notícias

Fala, Atleticano

Continuidade

Lamentações passadas, vamos nos concentrar para essa reta final de campeonato Brasileiro, e fazer uma boa partida contra o São Paulo em busca da classificação…