O Fala, Atleticano é um canal de manifestação da torcida do Atlético. Os textos abaixo publicados foram escritos por torcedores rubro-negros e não representam necessariamente a opinião dos responsáveis pelo site. Os autores se responsabilizam pelos textos por eles assinados. Para colaborar com um texto, clique aqui e siga as instruções. Confira abaixo os textos dos torcedores rubro-negros:
22 jan 2020 - 8h48

Um novo Dagoberto

Pelo visto a negociação com Rony está tornando-se ou tornou-se um novo caso Dagoberto. As comparações são evidentes. Os casos são parecidos, devido à rejeição de Rony e seus representantes estarem criando um impasse para à realização de novo contrato. O CAP propôs um aumento segundo se comenta na mídia de 30% sobre os valores atuais, por “n” motivos. Um destes motivos é à possibilidade do Rony estar sendo sondado pelo Corinthians via indicação de TN para a posição que ele joga.

Sabendo que ele tem um contrato até 2021, um contrato vigente com o CAP, o clube queria exercer ou entrar em um novo acordo com o Rony, porque o valoriza e não o desvaloriza, mas, nesta história do Rony x CAP tem um cidadão no meio, e tem nome e sobre nome. Thiago Nunes. Este ex-técnico do CAP que diz não ter rancor da torcida e sim Presidente do Conselho, acho que ele deve estar meio equivocado. Ele não pode dizer que 100% da torcida concordou com atitude dele, eu fui um que não!

E explico. Ele disse em “n” vezes que mais valia para ele era o projeto do clube, que estava comprometido com este projeto e blá,blá, blá…. mas, teve um momento em que ele disse antes do jogo final da Copa do Brasil contra o Internacional que seria à sua última participação no CAP e depois iria embora.

Isso para mim foi um aviso prévio que já estava com algo na manga, ou seja, já estava com talvez uma boa conversa adiantada com o Corinthians, até porque seu empresário foi visto lá no clube paulista, e ele negou que fosse sobre ele. E depois da entrevista do Presidente do Corinthians, que alegou estar conversando com um outro técnico que só dependeria dele para ser realizado o acerto, a ficha para mim cai naquele instante e algo dizia que o técnico era o Thiago Nunes e não errei no “palpite”.

Dai para vincular a birra do Rony em renovar o contrato e o Thiago Nunes há poucos dias dizendo que estava aguardando um novo jogador para à posição carente do clube que hoje ele está vinculado, fica fácil concluir que o Rony já trocou figurinhas com Thiago Nunes e este é o fato que está causando este problema para o CAP.

Para mim à atitude de o afastar do grupo principal e o deixar à “disposição” do grupo de aspirantes, está correto à decisão, até como forma de mostrar que o CAP não é o clube japonês para ser enganado ou servir de trampolim para ele.

E até sugiro que o MCP o dispense ou denuncie ele na FIFA já que é o modo operante dele em relação à renovações contratuais e assim, demonstra o caráter deste jogador que ninguém queria antes, mas, se deu bem no CAP com o apoio do clube e agora está criando dificuldades como criou ao clube japonês.

Ele nem deve mais treinar com os aspirantes, para mim deveria ficar na geladeira, e bem longe do CAT do CAJU, para não influenciar os novos jogadores de forma errada. Não é um bom exemplo de profissional.

O CAP não pode mais ficar perdendo tempo como perdeu com o Dagoberto, venda ele a qualquer preço acima do R$ 2,5 milhões de reais e se livre deste problema para não causar maiores problemas internamente dentro do clube.

Se fizer isso, com certeza iremos melhor em 2020, pois na briga com Dagoberto, quem mais perdeu foi futebol do CAP, não pela saída do Dagoberto, mas pelo tempo perdido em vindas e idas para os tribunais, com desperdício de recursos e tempo com isso.

Fora Rony, pois ingratos não queremos no CAP e Thiago Nunes que fique sabendo que nem todos os torcedores gostaram de sua atitude, um deles sou eu.



Últimas Notícias

Fala, Atleticano

Novo “Timoneiro”

Sim.. Estava na cara.. Eduardo Barros, apesar de muito promissor e ser Sim, um nome para treinar a equipe rubro negra.. Ainda estava “Cru” e…