Outros perfis


 

Nome:

 

Federico Gastón Nieto

       
  Saiba mais:  
Começou sua carreira nas categorias de base do Boca Juniors, mas se profissionalizou no Almagro, onde marcou 33 gols em 58 jogos. Em 2005 foi emprestado ao Rangers, da Escócia, mas não teve boa passagem. Esteve em clubes pouco expressivos de Portugal e Itália, antes de retornar ao futebol argentino, em 2007, para defender o Huracán. Chegou ao Cólon em 2009 e teve uma passagem de destaque. Foi o segundo principal artilheiro do Torneo Apertura 2009, com 12 gols, dois atrás de Santiago Silva, do campeão Banfield.
       

Data de nascimento - 26/08/1983  

Signo - virgem

Local - Buenos Aires

Estado civil - casado

Hobby
- pescar

Bairro onde mora em Curitiba - Champagnat

Lugar que mais gosta em Curitiba
- Jardim Botânico

Local da casa preferido - quarto

Prato preferido - sushi e churrasco argentino

Prato que sabe cozinhar - todos

O que não come de jeito algum - pepino

Restaurante preferido – Rodizzio, na Argentina

Carro - Audi R8

Lugar para viver - praia

Gênero Musical - cumbia

Filme - O Último Samurai

Programa de tv - Showmatch

Ídolo fora do futebol – meu pai

Ídolo no futebol – Maradona

Mulher bonita – minha esposa

Lugares que freqüenta – restaurantes

Ponto positivo em Curitiba - segurança

Ponto negativo em Curitiba - clima

Viagem inesquecível - Europa com amigos

Time que torcia na infância – Racing

O que faria se não fosse jogador de futebol
- empresário

Momento de tristeza – não tive

Momento de alegria - nascimento do meu filho

Melhor jogador de todos os tempos
- Maradona

Melhor jogador da atualidade
- Messi

Jogo inesquecível – pelo Campeonato Argentino, onde fiz três gols pelo Colon cntra o Huracan

Virtude – sou uma pessoa muito simples

Defeito – confiar demais nas pessoas

Superstição - não tenho

Sonho – ser campeão

Sonho de consumo – um iate

Atlético em uma palavra - importante