Atletibas
Baixada
Cores, hino e símbolos
Presidentes
Time
Torcida

Baixada

A primeira partida do Atlético no estádio Joaquim Américo aconteceu em 6 de abril de 1924. Na ocasião, o rubro-negro venceu o Universal por 4 a 2 com a seguinte formação: Tapyr; Marrecão, Ferrrio; Franico, Lourival e Malello; Smythe, Ary, Marreco, Maneco e Motta.

O Joaquim Américo foi o primeiro estádio de futebol do Paraná. A partida inaugural foi realizada no dia 6 de setembro de 1914, entre Internacional e Flamengo, com vitória dos cariocas por 7 a 1.

O terreno onde está localizada a Arena da Baixada era uma chácara da família Hauer no início do século XV. Fora então alugada para a construção do estádio Joaquim Américo.

O local ao lado da Baixada era um depósito de pólvora do Exército. Daí a crença de ser um lugar explosivo.

Em 1929, a área da Baixada foi comprada pelo presidente em exercício, Luis Feliciano Guimarães, e o vice, Hermano Machado, em nome particular e alugaram para uso do clube.

Também em 1929, o governador do Paraná, Afonso Camargo, doou um terreno no Juvevê – onde atualmente é o Setor de Ciências Agrárias da UFPR - para que o Atlético construisse seu estádio. No entanto, não houve interesse do rubro-negro. A solução encontrada pelo interventor Manoel Ribas foi a compra do terreno na Água Verde pelo Governo e a permuta com a área no Juvevê.

Em 2 de setembro de 1934, Aristarcho Silva narra a primeira transmissão radiofônica do Paraná do alto de um eucalipto da Baixada - Atlético 1 x 1 Coritiba.

Em 25 de março de 1972, o Atlético mandava uma partida pelo campeonato estadual contra o Jandaia. O rubro-negro vencia a partida por 6 a 0, quando aos 30 minutos do 2º tempo, o trio de arbitragem e os jogadores se atiraram no chão. Um enxame de abelhas africanas veio da direção do gol dos fundos, por trás dos pinheiros, e se localizou no campo de jogo. Foram cinco minutos de correria até que elas foram embora e o jogo pôde prosseguir.

Oficialmente, a Baixada mudou de cara sete vezes: em 1914, 1939, 1967, 1980, 1994, 1996 e 1999.

 
Últimas Notícias