10 out 2001 - 21h43

Massacre no Planeta da Macaca

O Atlético conseguiu um resultado histórico na noite desta quarta-feira no estádio Moisés Lucarelli, em Campinas. O Furacão atropelou a Ponte Preta e venceu por 5 a 1, de virada.

Foi o mesmo placar do último jogo do clube fora de casa, contra o Santa Cruz, em Recife. No jogo desta noite, a Ponte saiu na frente logo aos 4 minutos da partida com um gol de pênalti, cometido por Igor. Washington cobrou e deixou a Ponte na frente.

A felicidade da Macaca no jogo durou apenas 7 minutos. Aos 11, Souza cobrou falta por cima da barreira e empatou. A virada veio cinco minutos depois. Alex Mineiro tabelou com Ilan e sofreu pênalti. O próprio Alex cobrou bem e virou a partida.

Depois do segundo gol, o Furacão ficou ainda mais forte e pressionou durante toda a partida. Souza, em noite inspirada, marcou o terceiro gol e abriu o caminho para a goleada. Ele recebeu um lindo passe na entrada da área, avançou e tocou na saída do goleiro alvinegro.

O técnico Vadão, da Ponte, modificou o sistema de jogo de seu time, trocando o 3-5-2 pelo 4-4-2, esperando deixar o time mais ofensivo. Nada mudou para o Atlético. Logo no início da etapa final, Ilan lançou Alex Mineiro, que recebeu sozinho na área e novamente deslocou o goleiro, marcando o quarto gol.

Geninho trocou Ilan por Adriano e, mais uma vez, a substituição deu resultado. O Gabiru deu mais velocidade ao ataque e foi o autor do quinto gol. Em linda jogada, Alex tocou para Adriano, que avançou da esquerda para o centro, driblou um zagueiro e chutou cruzado, num lindo gol. Depois disso, Fabiano ainda mandou uma bola no travessão e Alex perdeu outra chance para fazer o sexto gol.

%ficha=191%



Últimas Notícias

Brasileiro

Libertadores, estamos chegando!

Na Arena da Baixada, o Athletico enfrentou o Botafogo pela última rodada do Campeonato Brasileiro de 2022. Dependendo somente das suas forças para garantir presença…