19 out 2001 - 19h23

Árbitro será o mesmo do Atletiba de 96

O árbitro Alfredo Santos Loebeling (SP), escalado pela CBF para apitar a partida contra o Coritiba neste domingo, é um velho conhecido dos clássicos Atletibas. Foi ele quem arbitrou o jogo Atlético 1 x 0 Coritiba, em setembro de 1996.

Há cinco anos o Atlético derrotou o Coxa no Campeonato Brasileiro com um gol de Oséas aos 48 minutos do segundo tempo. Na comemoração, o atacante subiu no alambrado e calou a torcida dos adversários, que comemoravam o empate na Baixada. A partida foi uma das mais memoráveis da história do clássico Atletiba.

Apesar disso, a arbitragem de Loebeling na ocasião foi polêmica. Ele expulsou quatro atleticanos e três coxa-brancas. Pelo lado atleticano, levaram o vermelho os poloneses Nowak e Piekarski. Além deles, foram excluídos o goleiro Ivan e o técnico Evaristo de Macedo, que estavam no banco de reservas. Do Coxa, foram expulsos Embu, Mauricio Copertino e Jorge Antonio. Mesmo assim, Alfredo deixou de expulsar o atacante Sandro Gaúcho, autor de um carrinho criminoso no zagueiro Jorge Luiz.

Além dos vermelhos, Loebeling mostrou sete amarelos. Apesar de rigoroso, o árbitro foi elogiado pelo colunista Augusto Mafuz, da Tribuna do Paraná: “Nesse ambiente foi colocado um personagem estranho, mas fantástico: o jovem árbitro paulista Alfredo Loebeling. Fez o que há tempo não se via em nossos campos que era dirigir um jogo, desprezando sentimentos e sendo leal a lei. (…) Num jogo em que o melhor foi o goleiro Anselmo que evitou uma goleada do Atlético, o grande nome foi o árbitro Alfredo Loebeling que teve um único erro, ao não expulsar Sandro do Coritiba, pela agressão a Jorge Luiz. Qualquer crítica ao árbitro é por paixão ou por ignornar a lei”.



Últimas Notícias