22 abr 2002 - 8h42

Resumo dos jornais desta segunda-feira

Com Adauto como novo ídolo, Atlético dispensa Nem
A Gazeta destaca a incrível apresentação de Adauto, que jogou para o time e fez serviço completo em cima do Grêmio.
Autor de três gols na goleada do Atlético sobre o Grêmio, em pleno Estádio Olímpico, Adauto tornou-se ídolo no Atlético. Ele, que chegou a ser a quinta opção para o ataque, colocou o Furacão praticamente na final da Sul–Minas.(Leia mais).

 

Atlético com a cara de Atlético

O Paraná-Online fala do jogo de sábado em que o Campeão Brasileiro mostrou porque é que esmagou seus adversários na finais.Um Furacão arrasador passou pelo Estádio Olímpico, sábado à tarde, causando grandes estragos em uma equipe gaúcha. O atual campeão brasileiro, que agora decide na Baixada a sua classificação à final da Copa Sul-Minas, aplicou uma sonora goleada no Grêmio: 5 a 1.(Leia mais).

 

Alex Mineiro, rei das assistências
O Lance lembra da partida impecável que Alex Mineiro fez, trabalhando como “garçom” para o time, mas não esquecendo de deixar sua marca. Alex Mineiro teve participação direta em três dos cinco gols atleticanos, além de deixar sua marca de artilheiro na cobrança do pênalti, no quarto gol.(Leia mais).

 

Geninho prefere a cautela

O JE fala do profissionalismo que Geninho encara a realidade do futebol, mantendo cautela e respeitando o adversário. Goleada dá boa vantagem ao Atlético-PR, mas técnico tenta evitar o favoritismo para o jogo de volta contra o Grêmio.(Leia mais).

 


Últimas Notícias

Libertadores

Hoje é um novo dia…..

…. de um novo tempo/que começou Nesses novos dias/as alegrias/ serão de todos/é só querer. Esses nossos sonhos/ serão verdade o futuro já começou.  …

Fala, Atleticano

Mais do mesmo

Não consigo ver futuro no futebol que o meu time está praticando. Ou seja, não está jogando nada já faz um bom tempo. Vejamos: zagueiro…

Fala, Atleticano

Reflexões…

Após a Derrota contra o Fluminense… Nosso “DT” Felipão, implorou pelo apoio da torcida no jogo de quarta, pois é “vida ou morte”… O Atlhetico…

Fala, Atleticano

Nunca foi unanimidade

Nunca ele foi unanimidade perante a torcida do CAP, o “queridinho” do Petraglia, só conseguiu um destaque em 2018, sob a batuta do Thiago Nunes,…

Fala, Atleticano

Quatro derrotas, já deu!

No início desta temporada, foi informado à Nação Rubro Negra, que à prioridade era o Campeonato Brasileiro. Já passou, seis rodadas, vencemos duas sem convencer…