26 maio 2002 - 19h46

Opinião: “Pressão desde o começo”

Atlético e Paraná farão a final do Supercampeonato Paranaense. Algo que já estava previsto desde a última rodada da primeira fase, quando os dois times garantiram a vantagem de jogar pelo empate. Foi o que fizeram: o suficiente para empatar.

A maior parte da torcida atleticana ficou decepcionada, já que preferia enfrentar o Coritiba. Alguns com sentimento de vingança; outros acreditando que o adversário fosse mais fraco; outros ainda só pelo gostinho de ser campeão sobre o Coxa.

Mas o adversário da final será o mesmo do ano passado e desta vez teremos de vencer. Todo mundo sabe como será a partida na Baixada: comandados por Hélcio, os onze paranistas jogarão dentro da área dando bicão pra frente.

O Atlético tem de adotar a tática da pressão. Partir para cima desde o começo, sem deixar eles respirarem. Não adianta esperar os 25 do segundo tempo para começar a fazer chuveirinho sem parar…

por Marçal Justen Neto
justen@furacao.com



Últimas Notícias

Ao Sol e à Sombra

Gol de Matosas

É verdadeiramente impossível descrever o que se sente na primeira vez em que se entra em um estádio de futebol lotado, sobretudo quando se vive…

Brasileiro

Derrota em Porto Alegre

O Furacão fez boa partida, principalmente na primeira etapa, mas não reverteu em gols as chances e sofreu o castigo fatal aos 31 da etapa…

Ao Sol e à Sombra

Alex Mineiro

Parecia o caso de um jogador que seria lembrado como coadjuvante de uma equipe imparável. Um carregador de piano, invisível aos olhos dos leigos, que…