30 maio 2002 - 18h44

Petraglia mostra prudência e fala da premiação

Mesmo depois do resultado elástico no primeiro jogo da final do Supercampeonato, o presidente Mário Celso Petraglia declarou que o título não está garantido: “Em futebol, só se pode comemorar quando o jogo termina”, disse ele, referindo-se à próxima partida da final.

Sobre a premiação – caso o time conquiste o campeonato -, Petraglia disse que o clube honrará seu compromisso e buscará recursos para o prêmio, já que até agora o rubro-negro só teve prejuízo financeiro nesta competição.



Últimas Notícias

Ao Sol e à Sombra

Gol de Matosas

É verdadeiramente impossível descrever o que se sente na primeira vez em que se entra em um estádio de futebol lotado, sobretudo quando se vive…

Brasileiro

Derrota em Porto Alegre

O Furacão fez boa partida, principalmente na primeira etapa, mas não reverteu em gols as chances e sofreu o castigo fatal aos 31 da etapa…

Ao Sol e à Sombra

Alex Mineiro

Parecia o caso de um jogador que seria lembrado como coadjuvante de uma equipe imparável. Um carregador de piano, invisível aos olhos dos leigos, que…