17 ago 2002 - 11h00

Atlético quer pressão na Baixada

O Atlético Paranaense tenta mostrar, neste sábado, contra o Vasco, às 16 horas, na Arena da Baixada, em Curitiba, que sabe aproveitar o mando de jogo para pressionar o time adversário e conseguir as vitórias necessárias para levá-lo à classificação. Por ser a segunda partida em casa – a primeira foi vencida por 4 a 0 contra o Bahia -, os jogadores entendem que a vitória é fundamental para suas pretensões. ‘Esse jogo é decisivo e importante para a gente pegar confiança‘, disse o meia Kleberson.

A expectativa é que os torcedores compareçam em grande número para prestigiar o campeão brasileiro.

Depois do retorno dos meias Kleberson e Adriano e a estréia do volante Preto, que deram mais qualificação técnica e experiência ao time, o técnico Valdir Espinosa acredita que está faltando apenas o entrosamento. ‘A tendência é de desempenho ainda melhor.‘ Para a partida deste sábado, a única alteração acontece no gol.

O titular Flávio não sentiu mais as dores na região lombar que o tiraram do jogo contra o Bahia e tem o retorno garantido. Enquanto isso, a briga no ataque deve se intensificar para a partida de quarta-feira, contra o Vitória, quando Alex Mineiro já terá condições de jogo.

Fonte: Paraná-Online



Últimas Notícias

Libertadores

Hoje é um novo dia…..

…. de um novo tempo/que começou Nesses novos dias/as alegrias/ serão de todos/é só querer. Esses nossos sonhos/ serão verdade o futuro já começou.  …

Fala, Atleticano

Mais do mesmo

Não consigo ver futuro no futebol que o meu time está praticando. Ou seja, não está jogando nada já faz um bom tempo. Vejamos: zagueiro…

Fala, Atleticano

Reflexões…

Após a Derrota contra o Fluminense… Nosso “DT” Felipão, implorou pelo apoio da torcida no jogo de quarta, pois é “vida ou morte”… O Atlhetico…

Fala, Atleticano

Nunca foi unanimidade

Nunca ele foi unanimidade perante a torcida do CAP, o “queridinho” do Petraglia, só conseguiu um destaque em 2018, sob a batuta do Thiago Nunes,…

Fala, Atleticano

Quatro derrotas, já deu!

No início desta temporada, foi informado à Nação Rubro Negra, que à prioridade era o Campeonato Brasileiro. Já passou, seis rodadas, vencemos duas sem convencer…