22 ago 2002 - 16h41

Atlético lança Projeto ‘Escolas na Arena’

O Clube Atlético Paranaense estará lançando nesta sexta-feira, dia 23, o Projeto “Escolas na Arena”. O projeto consiste em levar alunos de 1° a 5º série de escolas particulares e públicas ao Estádio Joaquim Américo onde receberam palestras e poderão conhecer as dependências do estádio mais moderno da América Latina.

A primeira instituição de ensino a participar do projeto será o Colégio Dom Bosco. Cerca de 130 alunos chegaram a Arena da Baixada no início da tarde e passaram o período em atividades. A turma assistirá uma palestra cujo o tema é “Paz no Futebol”. Em seguida, um vídeo institucional do Atlético será apresentado e os alunos realizarão uma visita as dependências da Arena. Ao final da programação, cada aluno vai receber um certificado de participação no Projeto “Escolas na Arena”.

O objetivo do Clube Atlético Paranaense é atrair o maior número de escolas possíveis. Para isso, o Departamento de Marketing já iniciou o processo de contatar as direções das instituições escolares. O projeto visa ajudar a diminuir a violência nos estádios brasileiros mostrando o lado positivo do futebol e criar uma consciência humanista nos alunos.

“O objetivo do Atlético é mostrar para os alunos que cada um pode escolher um time para torcer e que independente desse fato todos devem viver em harmonia. Nós esperamos que através da palestras isso seja passado para os alunos”, explicou o gerente de Marketing, Eduardo Requião.

As escolas interessadas em participar do Projeto “Escolas na Arena” devem entrar em contato com o Departamento de Marketing Atlético através do telefone (41) 242-1996. Não é cobrada nenhuma taxa das instituições para participar do projeto.

Fonte: Assessoria de Imprensa do Atlético



Últimas Notícias

Ao Sol e à Sombra

Gol de Matosas

É verdadeiramente impossível descrever o que se sente na primeira vez em que se entra em um estádio de futebol lotado, sobretudo quando se vive…

Brasileiro

Derrota em Porto Alegre

O Furacão fez boa partida, principalmente na primeira etapa, mas não reverteu em gols as chances e sofreu o castigo fatal aos 31 da etapa…

Ao Sol e à Sombra

Alex Mineiro

Parecia o caso de um jogador que seria lembrado como coadjuvante de uma equipe imparável. Um carregador de piano, invisível aos olhos dos leigos, que…