27 ago 2002 - 18h54

VAMOS LOTAR O CALDEIRÃO!

O Atlético entra em campo para enfrentar o Palmeiras, na Arena da Baixada, nesta quarta-feira, às 20 hs 30 min, com atenção redobrada. O rubro-negro paranaense não quer deixar que a goleada sofrida pelos paulistas frente ao Atlético Mineiro na rodada passada do Campeonato Brasileiro torne-se fator de “vingança”.

O técnico Valdir Espinosa fez questão de salientar junto ao elenco a importância do confronto. Além do jogo ser em casa, o treinador atleticano não quer que seu time seja surpreendido por uma equipe que deseja buscar os pontos desperdiçados.

“A goleada que o Palmeiras sofreu não foi uma coisa comum. O time paulista vai vir para o jogo com uma maior disposição em virtude das cobranças e pressões que estão acontecendo pela derrota sofrida em casa”, explicou Espinosa.

Mantendo a mesmo esquema tático e mudando apenas em três posições, o treinador assumiu o lema de que “time que está ganhando não se mexe”. As mudanças são apenas de ordem médica ou de atletas que voltam a ficar à disposição.

O goleiro Flávio volta vestir a camisa 1 totalmente recuperado da lesão lombar. Cocito fará sua estréia na edição 2002 do Campeonato Brasileiro após renovar por mais um ano o contrato. O meia Kleberson desfalcou o rubro-negro contra o Vitória, pois estava na Seleção Brasileira.

“As mudanças que nós fizemos são normais. Apenas os jogadores que resolveram suas situações e são titulares reassumem sues lugares na equipe. Em time que está ganhando não se mexe ou se mexe o mínimo possível”, disse o treinador.

O time do Atlético que enfrenta o Palmeiras será formado por Flávio, Alessandro, Igor, Rogério Corrêa, Fabiano, Cocito, Douglas Silva, Kleberson, Adriano, Kleber e Dagoberto (Jadilson).

Fonte: Assessoria de Imprensa do Atlético



Últimas Notícias

Libertadores

Hoje é um novo dia…..

…. de um novo tempo/que começou Nesses novos dias/as alegrias/ serão de todos/é só querer. Esses nossos sonhos/ serão verdade o futuro já começou.  …

Fala, Atleticano

Mais do mesmo

Não consigo ver futuro no futebol que o meu time está praticando. Ou seja, não está jogando nada já faz um bom tempo. Vejamos: zagueiro…

Fala, Atleticano

Reflexões…

Após a Derrota contra o Fluminense… Nosso “DT” Felipão, implorou pelo apoio da torcida no jogo de quarta, pois é “vida ou morte”… O Atlhetico…

Fala, Atleticano

Nunca foi unanimidade

Nunca ele foi unanimidade perante a torcida do CAP, o “queridinho” do Petraglia, só conseguiu um destaque em 2018, sob a batuta do Thiago Nunes,…

Fala, Atleticano

Quatro derrotas, já deu!

No início desta temporada, foi informado à Nação Rubro Negra, que à prioridade era o Campeonato Brasileiro. Já passou, seis rodadas, vencemos duas sem convencer…