3 nov 2002 - 18h48

David garante que golaço não foi por acaso

O jovem David marcou seu primeiro gol como profissional neste domingo, no empate contra o Atlético Mineiro. Logo no início da partida, o jogador recebeu um passe na lateral-direita e, de muito longe, mandou um petardo, no ângulo do goleiro Eduardo, do Galo.

Porém, muitos duvidaram da real intenção do atleta. Alguns comentaristas esportivos levantaram a hipótese de David ter tentado cruzar a bola e contado com a sorte para marcar. O próprio jogador nega essa possibilidade. “Bati a bola em gol. Não esperava que a bola fosse entrar tão bem quanto entrou, mas fui para fazer o gol”, disse ele, envolvido em polêmica semelhante à de Ronaldinho Gaúcho na Copa do Mundo, quando marcou um lindo gol contra a Inglaterra.

Apesar do gol de David, o Furacão não passou de um empate em casa e deu adeus ao sonho do bicampeonato. “O torcedor pode ficar tranqüilo que a Segunda Divisão nem nos passa pela cabeça. Infelizmente, perdemos a classificação para a próxima fase, mas não vamos dar essa tristeza para a galera”, disse ele, dizendo que o Atlético não se preocupa com o rebaixamento.



Últimas Notícias

Ao Sol e à Sombra

Gol de Matosas

É verdadeiramente impossível descrever o que se sente na primeira vez em que se entra em um estádio de futebol lotado, sobretudo quando se vive…

Brasileiro

Derrota em Porto Alegre

O Furacão fez boa partida, principalmente na primeira etapa, mas não reverteu em gols as chances e sofreu o castigo fatal aos 31 da etapa…

Ao Sol e à Sombra

Alex Mineiro

Parecia o caso de um jogador que seria lembrado como coadjuvante de uma equipe imparável. Um carregador de piano, invisível aos olhos dos leigos, que…