O Fala, Atleticano é um canal de manifestação da torcida do Atlético. Os textos abaixo publicados foram escritos por torcedores rubro-negros e não representam necessariamente a opinião dos responsáveis pelo site. Os autores se responsabilizam pelos textos por eles assinados. Para colaborar com um texto, clique aqui e siga as instruções. Confira abaixo os textos dos torcedores rubro-negros:
20 nov 2002 - 11h26

Mário Sérgio

Ontem, assistindo a ESPN – Brasil no programa “Bolada Vez” estava o nosso ex – Técnico Mário Sérgio. Entre os assuntos abordados pelos entrevistadores acabou sendo comentado a saída do Mário Sérgio do Atlético onde ele apontou as seguintes justificativas:

1 – Discussão com Mário Celso Petraglia: Na primeira vez que Mário Sérgio cogitou a hipótese de sair do Atlético foi devido uma discussão com nosso presidente sobre esquema tático da equipe. Agora… é claro que devemos muito ao Petraglia, mas ele como presidente tem que escolher bem o técnico e depois disso é só administrar o clube, não tem nada que ficar dando pitaco no trabalho do técnico muito menos querer armar a equipe. No final, segundo Mário Sérgio, foi resolvido e os jogadores acabaram pedindo para que ele ficasse.

2 – Jogadores indo para a gandaia: Segundo depoimento do Mário Sérgio, vários jogadores do elenco adoram tomar umas a mais e que ele em uma reunião com os mesmos teria feito um pacto que mais tarde teria sido quebrado motivando ele a sair. No meu entender, um dos grandes problemas deste ano foi a indisciplina de alguns jogadores que chega a ser até irresponsabilidade. Chega de reapresentações atrasadas e de falta de comprometimento com o clube. Que mandem embora aqueles que não querem honrar a camisa do Atlético pois em toda empresa que se preze, avisasse uma, duas vezes na terceira manda-se embora !! Não tem planejamento da preparação física que dê jeito com um monte de pinguço na equipe, vamos reclamar dos jogadores não do preparador físico !!

3 – Marginalização do Carleto: Também segundo Mário Sérgio, o Carleto trouxe ao Atlético mais de R$ 70.000.000,00 em descobertas de jogadores e hoje esta completamente marginalizado no clube, quase sem função devido a vaidade de alguns comandantes querem aparecer mais que os outros. Todo clube deve funcionar como uma equipe. Todos devem trabalhar em prol de um Atlético melhor e não de querer aparecer para a torcida ou sociedade em geral. Deve-se deixar de lado todo o estrelismo e fazer da frase escrita nas faixas da Fanáticos (“O Atlético nos une, a união nos fortalece”) uma missão a ser seguida.

Apesar de tudo isso ele acabou a análise dizendo que mesmo depois deste pífio campeonato realizado pelo Atlético, a equipe é uma das DUAS melhores equipe do Brasil (São Paulo estaria no mesmo patamar).

Eu sei que o Mário Sérgio não é um dos melhores técnicos que existem por aí e que até seu jeito meio “malandro” deixam dúvidas, mas uma coisa temos que admitir: Ele fala curto e grosso, não manda recado pra ninguém.

Temos que começar a rever nosso ídolos. Como disse no começo, devemos e muito ao Petraglia mas o Atlético é grande devido ao trabalho de várias pessoas e só continuará grande se continuarmos a trabalhar como equipe. Chega de vaidades, chega de indisciplina, vamos fazer de 2003 um ano no mínimo competitivo.



Últimas Notícias

Brasileirão A1

Até empatar!

Pela nona rodada do Brasileirão, na Baixada, Athletico 1 x 1 Anderson Daronco. Como já esperado, o jogo seria bastante brigado e equilibrado. O desequilíbrio…

Brasileirão A1

Pra espantar a zica

Pela oitava rodada do Brasileirão, na Baixada, Athletico 3 x 1 Criciúma. Precisando se recuperar das últimas péssimas atuações, o Athletico foi a campo pressionado.…