20 dez 2002 - 20h18

Alessandro preocupado com o futuro do Furacão

O lateral-direito Alessandro está preocupado com o futuro do Atlético-PR. Após a conquista do Campeonato Brasileiro, ano passado, o Furacão não teve bom desempenho em 2002, tanto que sequer se classificou para as quartas-de-finais do Brasileirão. Além disso, as notícias que dão conta das saídas de Kléber, Fabiano, Kléberson e Alex Mineiro enfraquecem o atual elenco para a próxima temporada.

“Se estes boatos se concretizarem, será ruim para o Atlético. Desmontar um time que foi campeão nacional é muito chato. O complicado é que assim, ficamos vulneráveis e depois fica mais demorado para os jogadores pegarem entrosamento. Não podemos repetir o que aconteceu de errado este ano”, frisou Alessandro.

O lateral destacou a falta de uma boa preparação no começo do ano como fator principal para a queda de rendimento do time. “Ninguém desaprendeu a jogar. Todos continuam sendo grandes jogadores, mas como todo atleta, precisam se preparar. Tivemos pouquíssimo tempo de descanso e menos ainda de preparação. Agora, poderemos realizar uma boa pré-temporada”, comentou, lamentando não saber ainda quem será o comandante em 2003.

“É estranho você não saber quem será o treinador. Mas a diretoria é inteligente e deve estar buscando o melhor para o clube”, acrescentou.



Últimas Notícias

Notícias

Já faz um ano….

Neste dia 04 de março faz exatamente um ano que o torcedor atleticano viu o Furacão de perto, ao vivo e em cores dentro da…