O Fala, Atleticano é um canal de manifestação da torcida do Atlético. Os textos abaixo publicados foram escritos por torcedores rubro-negros e não representam necessariamente a opinião dos responsáveis pelo site. Os autores se responsabilizam pelos textos por eles assinados. Para colaborar com um texto, clique aqui e siga as instruções. Confira abaixo os textos dos torcedores rubro-negros:
15 jan 2003 - 15h57

Ano ímpar: vida nova

O torcedor atleticano não precisa se preocupar no ano de 2003. As nossas chances de obter sucesso são grandes. O Atlético vem alternando anos de sucesso e anos de insucesso. E coincidência ou não, nos anos ímpares é que o sucesso nos acompanha. Vamos aos fatos:


A exceção fica por conta de 1997 ano em que o Clube Atlético Paranaense passou um sufoco e perigou não disputar o Campeonato Brasileiro. Mas numa visão mais otimista podemos dizer que terminamos o ano muito melhor do que o esperado. A nação atleticana se manifestou e demos a volta por cima. Fizemos uma campanha razoável no Brasileiro devido às condições.


Em 1995 foi a grande virada. A derrota para o rival e o basta! de Petraglia que nos rendeu o título da série B e consequentemente o acesso para a séria.


Em 1999, foi a melhor 9ª posição que já tivemos. Todos nós ficamos muito decepcionados com não classificação para as quartas-de-final do Brasileirão, uma posição abaixo do último colocado. A classificação era quse certa até a inesperada derrota para o Botafogo-RP. Enfim, fomos parar na seletiva da Libertadores e eliminamos um por um, com direito a goleada histórica nos coxas(4×1) em plena casa do adversário, e uma final inesquecível com o Cruzeiro. Na 1ª partida, 3×0, com show de Lucas, que ironia, hoje na toca da raposa. E no Mineirão só seguramos o ímpeto mineiro e partimos para Libertadores.


2001. Não é preciso muitas palavras para descrever a alegria de um torcedor atleticano no final deste ano. Que presente de Natal! Quanta emoção! Campeão Brasileiro pela 1ª vez, BiCampeão Paranaense, fora o baile. Passamos por cima de todos, despertamos a inveja dos co-irmãos e do Brasil inteiro com um futebol bonito e objetivo.


Por isso, estou confiante. Chega de técnicos incompetentes! Vamos dar um voto de confiança ao nosso. Vamos lhe passar tranqüilidade e evitar cobranças precoces. Que 2003 nos dê novas alegrias! Dagoberto, Adriano e cia não vão nos decepcionar.



Últimas Notícias

Ao Sol e à Sombra

Gol de Matosas

É verdadeiramente impossível descrever o que se sente na primeira vez em que se entra em um estádio de futebol lotado, sobretudo quando se vive…

Brasileiro

Derrota em Porto Alegre

O Furacão fez boa partida, principalmente na primeira etapa, mas não reverteu em gols as chances e sofreu o castigo fatal aos 31 da etapa…

Ao Sol e à Sombra

Alex Mineiro

Parecia o caso de um jogador que seria lembrado como coadjuvante de uma equipe imparável. Um carregador de piano, invisível aos olhos dos leigos, que…