14 mar 2003 - 19h02

Acabar com o desperdício de gol é meta de Vadão

O técnico Vadão voltou a detectar um antigo problema que assombrava o time do Atlético Paranaense durante as partidas. No jogo contra a Tuna Luso pela Copa do Brasil, o rubro-negro repetiu a história do confronto frente ao Roma pelo Campeonato Paranaense e desperdiçou um grande número de oportunidades de gol. O resultado foi um time ansioso, fato que interferiu na apresentação do elenco atleticano.

Muita conversa e treino especifico de finalização são as formas encontradas pela comissão técnica para tentar aumentar o aproveitamento do time. O ponto de partida para mudança pode ser o jogo da 2º fase da Copa do Brasil diante do Sport, na próxima quarta-feira, dia 19, na Arena da Baixada. O Atlético precisa confirmar um bom resultado em casa para entrar em campo na Ilha do Retiro, estádio do adversário, dia 26, com vantagem.

“Nós não podemos continuar desperdiçando as oportunidades de gol. No jogo contra a Tuna Luso isso não interferiu na classificação. Porém, nós precisamos mudar esse fato para que na seqüência da competição os gols aconteçam”, disse Vadão.



Últimas Notícias

Ao Sol e à Sombra

Gol de Matosas

É verdadeiramente impossível descrever o que se sente na primeira vez em que se entra em um estádio de futebol lotado, sobretudo quando se vive…

Brasileiro

Derrota em Porto Alegre

O Furacão fez boa partida, principalmente na primeira etapa, mas não reverteu em gols as chances e sofreu o castigo fatal aos 31 da etapa…

Ao Sol e à Sombra

Alex Mineiro

Parecia o caso de um jogador que seria lembrado como coadjuvante de uma equipe imparável. Um carregador de piano, invisível aos olhos dos leigos, que…