24 mar 2003 - 11h44

Juvenis do Atlético vencem mais uma

O estruturado Atlético, do treinador Lio Evaristo , foi muito bem recebido pelos araucarianos na sexta-feira no Estádio Pedro Pizzatto. Em troca o CAP brindou o público com um bom futebol, simples e objetivo, contando com garotos em idade juvenis, casos de Stanley, lateral-esquerdo (o melhor em campo) e Evandro, meia-atacante que jogou com a 11, também da Seleção Brasileira Sub-17 (o mais novo do grupo, nascido em 86), além de Fernandinho, Marcus Vinícius e Anderson, nascidos em 85.

O Araucária começou o jogo atacando, exigindo do bicampeão da Copa Tribuna, que foi aos poucos se adonando da partida. Em meia hora de jogo o cansaço dos locais era evidente, enquanto o Atlético esbanjada saúde.

Na vontade, o time local se agüentava, mas aos 35’ Stanley tabelou com Lucas, envolvendo o lateral Ricardo, Stanley recebeu na área sendo derrubado pelo lateral. Fernandinho foi para a cobrança, abrindo o marcador.Na etapa final, o Araucária veio novamente bem disposto e chegou ao empate logo a 6’ dando esperanças à sua vibrante e exigente torcida. Yuri, o melhor do time de Valmir, cobrou falta da esquerda, achando Paulo César, que subiu com estilo em meio à zaga e fez um bonito gol de cabeça, sem chance para o capitão Márcio.

Aos 12’ Evandro tentou na primeira e Lucas apanhou a sobra enchendo o pé cara-cara com o goleiro André Silva. 2×1 sem apelação. Na vontade e empurrado pela torcida o Araucária bem que tentou, mas o Rubro-Negro estava mais próximo de marcar que os locais, fruto de um futebol mais padronizado.

Melhor preparado o terceiro veio depois de jogada individual do garoto Anderson, que dribou a zaga e bateu no contrapé de André Silva, bem no cantinho. José Francisco de Oliveira esteve perfeito no apito, bem como seus auxiliares José Gentil de Castro e Cristiano Duarte, substituindo Édson Redolfi.

Araucária: André Silva; Ricardo (Catarina), Marlon (c), André Vanali e Yuri; Moraes, Carlinhos, Edu e Xuxa; Paulo César (Tostão) e Vinícius (Alemão). Técnico: Valmir Martins.

Atlético: Márcio (c); André (Murilo), Alessandro, Elton e Stanley; Thiaguinho, Marcos Vinícios, Alan Franco e Fernandinho (Edivaldo); Lucas (Anderson) e Evandro. Técnico: Lio Evaristo.

Fonte: Paraná on line



Últimas Notícias

Libertadores

Hoje é um novo dia…..

…. de um novo tempo/que começou Nesses novos dias/as alegrias/ serão de todos/é só querer. Esses nossos sonhos/ serão verdade o futuro já começou.  …

Fala, Atleticano

Mais do mesmo

Não consigo ver futuro no futebol que o meu time está praticando. Ou seja, não está jogando nada já faz um bom tempo. Vejamos: zagueiro…

Fala, Atleticano

Reflexões…

Após a Derrota contra o Fluminense… Nosso “DT” Felipão, implorou pelo apoio da torcida no jogo de quarta, pois é “vida ou morte”… O Atlhetico…

Fala, Atleticano

Nunca foi unanimidade

Nunca ele foi unanimidade perante a torcida do CAP, o “queridinho” do Petraglia, só conseguiu um destaque em 2018, sob a batuta do Thiago Nunes,…

Fala, Atleticano

Quatro derrotas, já deu!

No início desta temporada, foi informado à Nação Rubro Negra, que à prioridade era o Campeonato Brasileiro. Já passou, seis rodadas, vencemos duas sem convencer…