27 abr 2003 - 18h24

Zagueiro Juliano foi do inferno ao céu

O jogo contra o Criciúma marcou a estréia do volante Juliano no time do Atlético, hoje improvisado como zagueiro.

No primeiro tempo da partida, segundo o árbitro, Juliano cometeu o pênalti que originou o segundo gol do Criciúma. Logo em seguida, ao tentar recuar a bola para o goleiro Diego, tocou a bola para o atacante da equipe catarinense e quase complicou ainda mais a vida do rubro-negro.

No entanto, na segunda etapa, Juliano deu a volta por cima. Assumiu o comando na defesa, já que Rogério Corrêa fora expulso, e ainda por cima marcou o gol de empate do Furacão.



Últimas Notícias

Opinião|Sul-Americana

Libera a torcida!

Uma noite histórica em um jogo com um cardápio recheado de garra, luta, determinação, superação, entrega, guerra, -TIME DE GUERRA – sim não faltam adjetivos…