5 jun 2003 - 12h16

Adriano e Capone serão julgados na segunda

O meia Adriano, recém-convocado para defender a Seleção Brasileira, e o zagueiro Capone serão julgados pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva na próxima segunda-feira.

Os dois jogadores foram expulsos na partida diante do Flamengo, no dia 25, e estão enquadrados no artigo 309 (praticar ato de hostilidade contra o adversário) do CBDF e estão sujeitos a uma pena de uma a três partidas de suspensão ou multa.

Porém, o departamento jurídico do clube acredita que nenhum dos dois jogadores leve uma punição maior que a de uma partida (suspensão automática), a qual já foi cumprida na partida diante da equipe do Fluminense.

Para este julgamento, os advogados do Atlético deverão se utilizar das imagens da TV, nas quais fica provado que nenhum dos dois jogadores praticou qualquer tipo de ato hostil diante dos jogadores do Flamengo. Com isso, a expectativa é de que ambos sejam absolvidos.

Para a partida diante da Ponte Preta, neste domingo, na Arena da Baixada, Vadão poderá contar tanto com Capone quanto com Adriano. Na mesma data vai a julgamento o atacante Fernando Baiano, do Flamengo, que cuspiu no goleiro Diego do Atlético, no mesmo jogo.



Últimas Notícias

Libertadores

Vamos, oh meu Furacão

Os pouco mais de 1.800 km que separam Curitiba de La Plata começaram a ser enfrentados por centenas de atleticanos desde o último fim de…