27 jun 2003 - 23h37

Protagonistas da alegria

O Especial Arena da Baixada 4 anos foi constituído por cinco capítulos: Construção, Inauguração, Jogos Mais Importantes, Estatísticas e Artilheiros. A pesquisa e os textos foram de Cleverson Freitas, Marçal Justen Neto, Sérgio Tavares Filho, Juarez Villela Filho e Eduardo Aguiar.

O maranhaense Kléber João Boas Pereira fez história no Atlético. Depois de longa negociação com o Moto Clube, o atacante foi finalmente contratado no início de 1999. Sua trajetória no Furacão confunde-se com a história da Arena da Baixada. Ele é o jogador que mais marcou gols no novo Joaquim Américo e esteve presente nos principais momentos dos primeiros anos do estádio.

Para se ter uma idéia, Kléber participou de nove dos dez jogos mais importantes da Arena, escolhidos pela equipe Furacao.com. Não esteve justamente no principal: a final do Brasileirão de 2001, contra o São Caetano.

Porém, Kléber marcou presença em outros momentos marcantes. Entrou no segundo tempo do jogo de inauguração, contra o Cerro Porteño e marcou gol contra o São Paulo, nas quartas-de-final do Brasileirão 2001. Seus momentos mais marcantes, porém, foram nas partidas em que o Atlético mais marcou gols na Arena: o 6 a 1 sobre o Paraná (no qual marcou quatro gols) e o 6 a 3 sobre o Bahia (com três gols seus).

O primeiro gol de Kléber na Arena aconteceu logo no segundo jogo do Atlético no estádio: a vitória de 3 a 2 sobre o Flamengo, pelo Brasileiro de 99. O último foi no clássico Atletiba do Brasileirão 2002, vencido pelo Atlético por 1 a 0. No total, foram 67 gols com a camisa do Atlético na Arena.

O segundo colocado da lista é Alex Mineiro, que marcou 25 gols entre 2001 e 2002. A seguir, aparece Lucas, autor do primeiro gol da história da Arena e autor de um gol cuja beleza lhe valeu uma placa no estádio. Além desses dois, ele fez mais 17 gols na Baixada. Do time atual, o maior artilheiro é Ilan, que marcou 18 gols pelo Atlético e 1 pelo Paraná Clube.

Jogadores que fizeram gols pelo Atlético na Arena

1. Kléber – 67 gols
2. Alex Mineiro – 25 gols
3. Lucas – 19 gols
4. Ilan – 19 gols *
5. Adriano – 17 gols
6. Dagoberto – 13 gols
7. Kleberson – 11 gols
8. Luisinho Netto – 10 gols
9. Adauto – 10 gols
10. Kelly – 8 gols
11. Rodriguinho – 7 gols
12. Gustavo – 7 gols
13. Lobatón – 6 gols
14. Jadilson – 5 gols
15. Fabrício – 5 gols *
16. Fabiano – 4 gols
17. Rogério Corrêa – 3 gols
18. Marcus Vinícius – 3 gols
19. Souza – 3 gols
20. Donizete Amorim – 3 gols
21. William – 3 gols
22. Flávio Luís – 3 gols
23. Alexandre – 3 gols *
24. Alessandro – 2 gols
25. Douglas Silva – 2 gols

26. Selmir – 2 gols
27. Vanin – 2 gols
28. Gilson Batata – 2 gols
29. Reginaldo Vital – 2 gols
30. Gauchinho – 2 gols *
31. Alberto – 1 gol
32. Leonardo Valença – 1 gol
33. Rogério Souza- 1 gol
34. Válber – 1 gol
35. Reginaldo – 1 gol
36. Emerson – 1 gol
37. Júlio César – 1 gol
38. Silvinho – 1 gol
39. Goiano – 1 gol
40. Silas – 1 gol
41. Juliano – 1 gol
42. Daniel – 1 gol
43. Igor – 1 gol
44. Nem – 1 gol
45. Clóvis – 1 gol
46. Lima – 1 gol
47. David – 1 gol
48. Fabinho – 1 gol
49. Luciano Santos – 1 gol
50. Fernando – 1 gol


* Esses atletas marcaram gols por outros times (contra o Atlético): Ilan (1 gol pelo Paraná); Fabrício (2 gols pelo América-MG); Alexandre (1 gol pelo Iraty); Gauchinho (1 gol pelo Cerro Porteño).
** Roger (Grêmio) marcou um gol contra em favor do Atlético.


Jogadores que fizeram gols contra o Atlético na Arena

3 gols

Alexandre (Coritiba, 1; Atlético-MG, 2)

2 gols –
Hélcio (Atlético-MG, 1; Paraná, 1); Guilherme (Atlético-MG), Marques (Atlético-MG), Dão (Avaí), Marcelinho Carioca (Corinthians), Reginaldo Araújo (Coritiba), Leandro Tavares (Coritiba), Oséas (Cruzeiro), Magno Alves (Fluminense), Luisinho (Francisco Beltrão), Dimba (Gama), Gérson Lentes (Grêmio Maringá), Luiz Alberto (Inter), Elivélton (Inter), Fabiano Souza (Inter), Flávio (Malutrom), Márcio (Paraná), Ricardo Oliveira (Portuguesa)

1 gol –
John Hinostroza (Alianza Lima), Marizi (América de Cali), Tucho (América-MG), Palhinha (América-MG), Wellington Amorim (América-MG), Edgar (América-MG), Alessandro (Atlético-MG), André (Atlético-MG), Preto (Bahia), Jean Elias (Bahia), Ramos (Bahia), Olivares (Bolívar), Botero (Bolívar), Luciano Ratinho (Corinthians), Leandro (Corinthians), Ewerthon (Corinthians), Leonardo (Coritiba), Daniel (Coritiba), Marcinho (Coritiba), Da Silva (Coritiba), Patrício (Coritiba), Anderson (Coritiba), Tico (Criciúma), Paulo Baier (Criciúma), Cris (Cruzeiro), Leonardo (Cruzeiro), Fábio Júnior (Cruzeiro), Petkovic (Flamengo), Romário (Flamengo), Fernando Baiano (Flamengo), Fábio Baiano (Flamengo), Roni (Fluminense), Sidney (Fluminense), Maicon (Francisco Beltrão), Rafael (Gama), Dill (Goiás), Zé Carlos (Goiás), Gilberto (Grêmio), Luiz Mário (Grêmio), Rodrigo Mendes (Grêmio), Claudio (Grêmio Maringá), Léo (Guarani), Wilson Surubim (Guarani), Diogo Rincón (Inter), Celso (Inter), Claiton (Inter), Mahicon Librelato (Inter), Marcelo (Iraty), Lino (Iraty), Itamar (Iraty), Adão (Joinville), Maia (Joinville), João Marcelo (Juventude), Dirceu (Juventus), Éder (Juventus), Schwenck (Juventus), Nem (Londrina), Reginaldo (Malutrom), Jorge (Malutrom), Rodrigo Batata (Malutrom), Mauricinho (Malutrom), Viton (Marcílio Dias), Lúcio Flávio (Paraná), Luciano (Paraná), Maurílio (Paraná), Washington (Paraná), Vandick (Paysandu), Sérgio Alves (Ponte Preta), Macedo (Ponte Preta), Vaguinho (Ponte Preta), Odemílson (Prudentópolis), Messias (Prudentópolis), Carlos Eduardo (Prudentópolis), Rodrigão (Rio Branco), Viola (Santos), Claudecir (São Caetano), Mancine (São Caetano), Marcos Paulo (São Caetano), Ricardinho (São Paulo), Adriano (São Paulo), França (São Paulo), Dennys (Seleção Brasileira Sub-20), Nildo (Sport), Cléber (Sport), Valdir Papel (Sport), Wallace (Sport), Marcelo Passos (Sport), Marquinhos (Tubarão), Toni (União Bandeirante), Cássio (União Bandeirante), Preto (União Bandeirante), Jabá (União Bandeirante), Siston (Vasco), Sandoval (Vitória)

gol contra
Luisinho Netto (para o São Paulo); Emerson (para o Guarani)

 



Últimas Notícias

Opinião

PlaneJUMENTO

Antes de tudo, dar os devidos créditos ao @fabiangarrett93 que cunhou tal termo no Twitter sendo de uma felicidade incrível pois ilustra perfeitamente aquilo que…