O Fala, Atleticano é um canal de manifestação da torcida do Atlético. Os textos abaixo publicados foram escritos por torcedores rubro-negros e não representam necessariamente a opinião dos responsáveis pelo site. Os autores se responsabilizam pelos textos por eles assinados. Para colaborar com um texto, clique aqui e siga as instruções. Confira abaixo os textos dos torcedores rubro-negros:
14 jul 2003 - 15h49

Torcer, torcer e torcer

Estive no sábado gelado acompanhado de minha filha de 8 anos vendo mais uma partida do Furacão. Com o decorrer do jogo veio o arrependimento de não ter ficado no conforto do lar, embaixo das cobertas descansando eu e minha filha.

Por isso é meu desejo deixar aqui para os amigos atleticanos algumas “impressões” e “opiniões” sobre o nosso amado rubro-negro.

A primeira é que não adianta o nosso torcedor reclamar de Vadão, que ele demora muito nas mudanças etc. Vadão é isso aí, afinal será que não lembramos de Vadão em 1999, com as famosas substituições, colocando o Luisinho Netto na esquerda, e sempre tirando o Kleber, não lembramos que o Vadão “secou” o Lobatón. As viúvas do Vadão que me perdoem mas agora não adianta chorar.

Esperar que o Vadão assuma uma posição mais moderna como por exemplo em dado momento (é um sonho) utilizar-se de jogadores como o Jean (já foi embora) junto com o Ivan, colocando um deles como meia…..ou então colocar o Fernando como meia (deixou ele jogar na Seleção Sub-17), esqueçam.

Resta a nós torcermos. Primeiro para que o Adriano não vá embora, que o Jádson acerte, que o Fernando possa atuar junto com o Ilan e o Dagoberto, que o Vadão “veja” melhor os jogadores que tem à disposição, que nossa defesa acerte, que o Alessandro volte a jogar bem (pelo menos as duas últimas foi bem).

Agora quanto a parte diretiva do Atlético ficam algumas “impressões”. Primeiro cabe registrar que nós ficamos mal acostumados, mas também quem mandou ser campeão brasileiro e freqüentar a Libertadores. É como comprar o primeiro carro novo, depois todo ano queremos carro novo.

A impressão que fica é que falta ao Atlético um planejamento, organização, pois é inaceitável que a negociação do Adriano tenha ficado somente para agora. Outra situação diante da falta de jogadores é a diretoria e também o técnico ter liberado o Fernando para a Seleção Sub-17 como se fosse a melhor coisa para o atleta. E esses jogadores que vieram e não são aproveitados pelo técnico, como fica?

Já está na hora de verem que o Atlético precisa de um jogador de meio-campo com melhor qualidade técnica, um meia-esquerda, meia-direita, ponta de lança ou qualquer outro nome que queiram dar. Um jogador tipo Pedrinho do Palmeiras. que até ontem estava reclamando da reserva. Se o Atlético vender o Kleberson e o Ilan seria a hora de uma grande tacada tipo Djalminha ou Giovanni (ex-Santos).

Enquanto o meu desejo e acredito os de alguns atleticanos não se realiza, só nos resta torcer, torcer e torcer.



Últimas Notícias

Fala, Atleticano

Jogo da vida

Por curiosidade, fui verificar qual a possibilidade da queda do CAP para a segunda divisão, e apresentou 16.4%, preocupante em vista que estamos num bolo…

Fala, Atleticano

Flertando com a ZR

Como já disse, estou feliz por ser Bicampeão Sulamericano e estar na final do Copa do Brasil, mas, deste jeito não dá. Ontem mais uma…