3 out 2003 - 7h27

Jogo de seis pontos contra o Flu

O Atlético enfrentará o Fluminense na tarde deste sábado, na Arena da Baixada, às 16 horas. Em um campeonato de pontos corridos, todas as partidas são decisivas em termos de classificação. Porém, a partida contra o Flu está sendo encarada como uma verdadeira decisão.

Há menos de dois anos, as duas equipes também protagonizaram um duelo decisivo na Arena. Porém, em 2001 a situação de ambos os clubes era muito diferente. Os dois lutavam por uma vaga na grande final do Campeonato Brasileiro.

O Furacão levou a melhor e venceu por 3 a 2, de virada. O grande herói daquela partida foi Alex Mineiro, autor de três gols. Também participaram daquela partida o lateral Alessandro, os zagueiros Rogério Corrêa e Igor, o meia Adriano e o atacante Ilan. Todos deverão estar em campo novamente neste sábado.

Agora, no entanto, o clima do jogo é bem distinto. O técnico Mário Sérgio já declarou que considera essa partida fundamental para o futuro do rubro-negro no Brasileirão. Como o Fluminense é um adversário direto na luta contra o rebaixamento (está em 23° lugar, com 32 pontos), uma derrota seria desastrosa.

Por isso, o treinador optou por não viajar para os Estados Unidos, onde o Atlético disputou um amistoso na quarta-feira. Ao invés disso, preferiu ficar em Curitiba, onde aproveitou a semana para treinar especialmente o sistema defensivo, com os zagueiros Igor, Tiago e Rogério Corrêa (foto).

Rogério, um dos mais experientes do elenco, sabe bem da importância da partida. Segundo ele, esse é o tipo do jogo que vale seis pontos, pois além de o vencedor avançar na tabela, impede com que o adversário ganhe pontos e, por isso, abre boa vantagem.

Como de costume, Mário Sérgio ainda não definiu a escalação de sua equipe. Uma formação provável é a seguinte: Diego; Alessandro, Igor, Rogério Corrêa, Tiago e Ivan; Alan Bahia, Luciano Santos e Adriano; Ilan e Alex Mineiro. Pode haver mudanças nas duas laterais, com as entradas de Fernandinho e Fabrício.

Fluminense

Apesar da péssima situação no Brasileiro – o time é o penúltimo colocado -, o Fluminense está motivado para o jogo contra o Atlético, neste sábado. Isso porque a diretoria anunciou ontem a demissão do técnico Joel Santana e a recontratação de Renato Gaúcho, que havia começado o campeonato dirigindo a equipe.

A maior parte dos atletas ficou satisfeita com o retorno do ex-jogador. Muitos se identificam com o estilo de Renato e sentem-se protegidos pelo técnico, que assume a defesa do elenco perante a diretoria, a torcida e a imprensa.

Renato teve somente um dia para treinar a equipe, mas não se mostrou preocupado com isso. Disse que não tem medo de dar a cara para bater e que espera que seu time demonstre força de vontade para superar o Atlético.



Últimas Notícias