11 out 2003 - 9h18

Resumo dos jornais deste sábado

Atletiba na Baixada
Enquanto o Coritiba entra em campo para ratificar a retomada da hegemonia estadual e ganhar uma vitória de presente nos seus 94 anos, o Atlético tenta escapar da zona de rebaixamento e começar a planejar 2004 com mais tranqüilidade e feliz após a fraca temporada. Como também acontece, o mistério é a arma principal das duas equipes no clássico e os dois treinadores prometem um duelo tático à parte. O confronto está programado para as 16 horas, na Arena, com postos de arrecadação de alimentos não perecíveis para a campanha Fome Zero. (Leia mais).

 

Atletiba expõe filosofia extracampo
Atlético, 17.º colocado, lutando para sair do rebolo. Coritiba, 3.º melhor time do Brasileiro, próximo de voltar à Libertadores. O Atletiba da Arena, às 16 horas, expõe muito mais diferenças que essa simples análise da tabela.

De um lado, o discurso da renovação faz do campeonato um claro laboratório. Na outra ponta, palavras como “planejamento a longo prazo” tornaram-se chavão para explicar o desempenho em campo. (Leia mais).

 

Atlético-PR e Coritiba disputam o clássico paranaense
O Atletiba deste sábado, às 16h, na Arena da Baixada, colocará frente a frente dois times com objetivos bem distintos no clássico paranaense da rodada.

Enquanto o Coritiba busca mais três pontos para seguir firme na luta por uma vaga na Libertadores de 2004, para o Atlético-PR, sem maiores aspirações no campeonato, tenta se manter afastado da zona de rebaixamento. A maior glória do Furacão neste final de ano seria uma vitória sobre o arqui-rival. (Leia mais).

 

Atlético se previne contra bola aérea
Os jogadores do Atlético não esconderam que a principal preocupação no clássico será com a bola aérea do Coritiba. “Treinamos bastante isto durante a semana. Temos que entrar atentos para evitar que os atacantes finalizem e que a bola seja levantada para a área”, afirmou o zagueiro Daniel, que deve entrar no lugar de Alan Bahia. (Leia mais).

 

Atletiba entre o céu e o inferno
O maior clássico do futebol paranaense será disputado hoje, às 16 horas, na Arena da Baixada, com expectativas bastante diferentes entre Atlético e Coritiba. Enquanto o dono da casa tenta evitar o desastre de cair para a segunda divisão, o visitante luta por uma vaga na Libertadores da América e ainda sonha com o título de campeão. Todas as armas são válidas e os técnicos sabem bem disso. (Leia mais).

 

Arena é palco do último Atletiba do ano
O Atlético tem nessa tarde, às 16 horas, na Arena da Baixada, a última oportunidade do ano de quebrar a supremacia coxa-branca em clássicos. Contra o principal rival, o Atlético foi derrotado duas vezes nessa temporada – uma pelo Paranaense (2 a 1) e outro no primeiro turno do Brasileiro (2 a 0). (Leia mais).

 

Mais um Atletiba para sacudir o coração do povão
Chegou o dia de mais um clássico Atletiba. Mais um capítulo da história desta rivalidade está prestes a ser escrito. Quem vai vencer? Quem vai chorar? Será que existe favorito? As respostas para estas e todas as outras perguntas só serão conhecidas depois que a bola começar a rolar, o que acontecerá exatamente às 16 horas, na Arena da Baixada. (Leia mais).

 


Últimas Notícias