28 out 2003 - 11h24

São Caetano continua reclamando do árbitro

O São Caetano não esquecerá tão cedo da arbitragem de Luís Marcelo Vicentin Cansian no jogo contra o São Paulo, disputado no estádio Anacleto Campanella no último domingo. O tricolor paulista venceu por 1 a 0, mas o time da casa se sentiu prejudicado.

“Fico por dentro machucado, magoado. Que pena”, afirmou o técnico Tite, profundamente triste com a perda da partida. “Já estamos calejados, mas não podemos nos acostumar com isso”, lamentou ele, reclamando especialmente de um gol de Somália, não marcado por Cansian.

Apesar disso, o técnico do Azulão não deseja receber uma “recompensa” por parte da CBF nas próximas partidas. “Não quero ganhar a qualquer custo. Que no próximo jogo o árbitro seja perfeito para que a gente possa colher os frutos do nosso trabalho”, afirmou ele, referindo-se à partida contra o Furacão.



Últimas Notícias