15 dez 2003 - 9h55

Resumo dos jornais desta segunda-feira

Atlético cumpre tabela e faz apresentação razoável – Sem compromisso algum com o resultado – na noite de sábado, as vitórias de Paraná e Figueirense eliminaram a oportunidade de o Rubro-Negro lutar por uma vaga na Copa Sul-Americana -, o Atlético se despediu do campeonato brasileiro com um honroso empate em 2 a 2 com o Paysandu, jogando diante de quase 50 mil torcedores, no Mangueirão. (Leia mais).

 

Atlético sai de cabeça erguida – O Atlético, 12.º colocado, deixou o Campeonato Brasileiro 2003 de cabeça erguida. Mesmo cumprindo tabela, a equipe do técnico Mário Sérgio não esmoreceu diante do desesperado Paysandu, 22.º, e 40 mil torcedores. A partida do Mangueirão terminou 2 a 2. (Leia mais).

 

Paysandu empata com Furacão e escapa da degola – Até que alguns minutos de inspiração de Alex Mineiro deram o empate ao Furacão. Aos 39 minutos ele girou facilmente em cima de André Dias na área, ficou na cara do goleiro Alexandre Fávaro e tocou com categoria no canto esquerdo. Aos 46 Alex serviu Jadson nas costas da defesa, ele passou por Alexandre e tocou para dentro do gol. (Leia mais).

 

No embalo para 2004 – O Atlético despediu-se ontem do Campeonato Brasileiro 2003 com um empate em Belém, por 2 a 2, contra o Paysandu. O time paranaense entrou em campo sem chances de ganhar uma vaga na Copa Sul-Americana, já que no sábado o Figueirense e o Paraná venceram seus jogos. O Paysandu precisava de um empate para fugir do rebaixamento. (Leia mais).

 

Paysandu leva susto mas garante vaga na elite – Foi um sufoco, mas o Paysandu garantiu sua permanência na primeira divisão do Nacional. Depois de abrir dois gols de vantagem sobre o Atlético-PR, ontem à tarde, em Belém, o time cedeu o empate por 2 a 2 e teve de sofrer muito para garantir o resultado, comemorado pela torcida como uma vitória. (Leia mais).

 


Últimas Notícias